Editores da Revista Negócio Rural têm seis reportagens finalistas no Prêmio de Jornalismo Cooperativista

Foto: Diego Luiz

Os editores do portal e da revista Negócio Rural, Julio Huber e Bruno Faustino, são finalistas da 14ª edição do Prêmio de Jornalismo Cooperativista Capixaba (PJC). Julio está na final nas categorias Webjornalismo, Jornalismo Impresso e Fotojornalismo. Bruno, que também é repórter da Record News e da TC Cultura, está na final com duas reportagens na categoria Telejornalismo e uma em Radiojornalismo.

A reportagem “Delivery leva o campo para a cidade”, produzida por Huber para a edição impressa da Revista Negócio Rural, mostra como os agricultores inovaram, durante a pandemia da Covid-19, e passaram a fazer entregas das mercadorias na Grande Vitoria por meio de pedidos on-line.

Já a reportagem “Café com sabor da garra feminina” mostra como vem crescendo a participação de mulheres no comando de propriedades. Julio Huber percorreu o Espírito Santo e Minas Gerais para mostrar cooperativas que trabalham para incentivar a participação de mulheres na cafeicultura. A fotografia de duas cooperadas da Coocafé, que ilustra a reportagem, também está concorrendo na categoria Fotojornalismo.

Em Telejornalismo, Bruno é finalista com as reportagens “Quando o Comércio é Justo todos ganham”, que mostra ações de cooperativas que participam do sistema do Comércio Justo, e “Macadâmia – Uma nobre noz”, que apresenta como é feita a produção de macadâmia no Espírito Santo e como a cultura está em crescimento.

Já em Radiojornalismo, a matéria finalista é: “Cooperativismo no Espírito Santo é marcado pela solidariedade em doação de alimentos”, que conta como foram feitas ações solidárias de cooperativas durante a pandemia. O PJC é realizado pelo Sistema OCB/ES, com patrocínio da Coocafé, Coopeavi, Selita, Cooabriel, Unicred, Unimed e Sicoob.

PREMIAÇÃO – Ao todo, serão premiados pelo júri técnico o primeiro e o segundo melhor conteúdo em seis categorias do PJC – ainda há a categoria Repórter Cinegrafista. Em cada categoria concorrem cinco finalistas. O resultado final será divulgado no próximo dia 19, em um evento no Ilha Buffet, no Álvares Cabral, em Vitória.

VOTAÇÃO – Além do primeiro e do segundo colocados que são escolhidos pelos jurados técnicos, foram abertas hoje (8), e prosseguem até o dia 17, as votações que irão eleger o primeiro e o segundo colocado na categoria Voto Popular. Irão vencer os dois conteúdos mais votados entre todos os 30 finalistas. Diferente de edições anteriores da premiação, desta vez será necessário votar em apenas um finalista.

Para votar, basta acessar o site do prêmio (www.premiodejornalismo.coop.br/votacao-popular), escolher o material finalista, inserir um e-mail e validar o voto acessando a caixa de e-mail. Cada e-mail poderá ser usado para votar uma vez por dia, até o próximo dia 17, sendo que será necessário validar o e-mail apenas no primeiro voto.

Huber sugere que os votos sejam direcionados à sua reportagem na categoria Webjornalismo, com o título “Café com sabor da garra feminina”.  Já Faustino sugere o voto na reportagem Quando o Comércio é Justo todos ganham.

Últimas notícias

Valor da contribuição mensal do MEI vai aumentar em fevereiro

Os microempreendedores individuais devem ficar atentos ao reajuste na contribuição mensal, que passa ...

Impacto ambiental urbano pode ser maior que do agro

O Brasil teve um ano de destaque no direito ambiental e terá que ...

Produção de café deve atingir 55,7 milhões de sacas na safra de 2022

Os produtores de café deverão colher a terceira maior safra do grão neste ...

Produtores celebram colheita e resultados da primeira safra de Uvas em Guarapari

Sandra Butke, em suas parreiras no início da produção. Para diversos produtores rurais ...

Ceasa-ES orienta produtores sobre armazenamento adequado de alimentos

A ação, que teve início na última quinta-feira (13) e tem previsão de ...