Boas práticas no manejo melhoram saúde e desempenho dos bezerros

Boas práticas de manejo desenvolvidas em fazendas de cria de gado de corte têm apresentando resultados relevantes no desempenho e na saúde dos bezerros. No criatório Bela Vista Senepol, em Paulo de Faria, São Paulo, logo após o nascimento, os animais passam pelos primeiros procedimentos sanitários e de identificação. Tudo acompanhado de uma cuidadosa massagem para tornar o menos traumático possível esse momento em que os animais ficam afastados da mãe.

Segundo a pecuarista Talita Costa Garcia, desde que a fazenda passou a adotar a técnica, a diferença no comportamento e desempenho do gado é visível. Este é o primeiro ano em que as técnicas de boas práticas de bem-estar vêm sendo adotadas na fazenda. “A ideia é adotarmos as boas práticas de manejo tanto em bezerros Senepol PO como em bezerros meio-sangue Senepol x Nelore. E a experiência está sendo muito bem sucedida”, explica Talita.

Estudos apontam que essa estimulação tátil pode melhorar o desenvolvimento cerebral dos filhotes, resultando em maior ganho de peso, maior eficiência na resposta imune e na obtenção de comportamentos mais desejáveis, facilitando a realização de manejos futuros. Os primeiros resultados de pesquisas foram obtidos em fazendas leiteiras, mas na pecuária de corte também já existem dados que comprovam o sucesso do procedimento.

Os colaboradores do criatório Bela Vista Senepol mostraram grande empenho em seguir o protocolo. “A partir desse primeiro manejo, todos os outros ficam mais fáceis. Os bezerros estão mais dóceis e tranquilos e conseguimos administrar com facilidade os medicamentos e os procedimentos de identificação”, explica a pecuarista. Outra medida adotada foi o uso de colares de identificação por um curto período até cicatrizarem os furos da orelha.

As dicas de como fazer vieram de uma veterana em boas práticas, a pecuarista Carmen Perez, que comanda a Agropecuária Orvalho das Flores, próximo a Barra do Garças, Mato Grosso. Há 12 anos, ela introduziu práticas de bem-estar animal na propriedade, cujo foco é a cria. Mas não é só a massagem nos primeiros dias de vida e na cura de umbigo que entra como boa prática de manejo na Orvalho das Flores. Desde o nascimento até o embarque, tudo é pensado para não estressar os animais e, consequentemente, ganhar em saúde e desempenho. A identificação por marcação a fogo deixou de ser feita, a bandeira é usada para conduzir o gado, tudo devagar e sem gritaria.

Com todos os cuidados adotados, a fazenda Orvalho das Flores reduziu os problemas de mortalidade no curral e o ganho de peso dos bezerros melhorou, assim como os índices de fertilidade das fêmeas. “São práticas que precisam de constância para dar resultado. É um desafio para toda a equipe, mas quando os tratadores percebem que eles são também beneficiados, pois o manejo torna-se muito mais fácil e os riscos de acidente diminuem, aceitam bem as técnicas”, assegura Carmen.

É importante aproveitar todas as oportunidades de interação com os animais na fazenda para que a memória do bezerro seja construída de forma positiva quanto à interação humano-animal. E que, depois, possa ser fortalecida com a adoção de boas práticas nos manejos subjacentes, como pesagens, aplicação de medicamentos, visitas ao curral etc. “No caso da raça Senepol, que já tem como característica a docilidade, o uso das técnicas será muito mais fácil para os tratadores e os resultados certamente serão mais rápidos”, diz Carmen.

Últimas notícias

Flores para Finados devem crescer em faturamento, mesmo com redução do volume

Mesmo diante das dificuldades de realizar previsões neste “novo normal”, a expectativa da ...

ArcelorMittal Tubarão religa seu terceiro Alto-Forno

A ArcelorMittal Tubarão religou ontem, dia 25, o seu terceiro alto-forno, cujas operações ...

Leilão da Conab adquire produtos destinados à formação de cestas básicas

Na sexta-feira (30), a partir das 9h, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) ...

Cafés especiais conquistam o Brasil e o mundo

Os apreciadores de café estão cada vez mais exigentes e eles não estão ...

Concurso Fotográfico “Mãos do Café” 2020 está chegando ao fim

Esta é a última semana de votação para escolher as melhores fotos da ...