Cecafé promove descarbonização do 9º Coffee Dinner & Summit

Honrando seu pilar de atuação voltado a responsabilidade socioambiental, sustentabilidade e segurança alimentar, o Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé) obteve o “Selo Verde” da startup de reflorestamento Ecooar Biodiversidade para neutralizar a emissão de gases de efeito estufa (GEE) com a realização do 9º Coffee Dinner & Summit, nos dias 25 e 26 de maio, em São Paulo (SP).

“O tema do nosso evento é ‘Crescimento da produção: seus desafios e oportunidades em tempos de ESG’, portanto, nada mais lógico do que alinharmos nossas iniciativas de governança socioambiental com o assunto a ser tratado e, principalmente, entregar isso em forma de exemplo prático, fomentando o reflorestamento, contribuindo para a mitigação do aquecimento global e demonstrando o engajamento do Cecafé e de seus associados com o respeito a meio ambiente e pessoas, visando à construção de um planeta melhor às futuras gerações”, comenta Marcos Matos, diretor-geral da entidade.

Anúncio

A obtenção do Selo Verde Ecooar ocorre através da projeção feita pela empresa das emissões de carbono geradas nos dois dias do evento. Com base nesse cálculo, o Cecafé compensou mais de 2,5 toneladas de CO2 através do plantio de árvores nativas, contribuindo para o reflorestamento de Áreas de Preservação Permanente (APP) na Fazenda Santa Emília, produtora de café em Garça, no Centro-Oeste de São Paulo, onde a regeneração do meio ambiente e a preservação das águas de nascentes beneficiam, direta e indiretamente, cerca de um milhão de pessoas nas 62 cidades da região.

Anúncio

O Selo Verde obtido pelo Cecafé possui QR Code exclusivo, que direciona para informações sobre o local onde foi realizado o reflorestamento, assim como a quantidade e as variedades de árvores plantadas (confira aqui), permitindo uma auditoria pública on-line, de qualquer lugar do mundo.

A gestora de Responsabilidade Social e Sustentabilidade do Conselho, Silvia Pizzol, recorda que essa ação também vem ao encontro dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU), em especial no que se refere a: Ação contra as mudanças climáticas (13); Vida na água (14); e Vida terrestre (15).

“Continuaremos engajados em trabalhar para o planeta ser cada vez mais respeitoso aos critérios ESG, externando que a cafeicultura brasileira permanecerá na vanguarda de quantidade, qualidade e, principalmente, sustentabilidade”, conclui.

COFFEE DINNER & SUMMIT – O evento se destaca como um dos principais fóruns globais do setor cafeeiro, reunindo, a cada dois anos, cerca de mil pessoas e líderes de todos os segmentos da cafeicultura brasileira e mundial para promover a prospecção de negócios, criar oportunidades comerciais, compartilhar experiências e fazer networking, aproximando players do agronegócio e apaixonados pelo café em um ambiente espaçoso e aconchegante.

Sob o tema “Crescimento da produção: seus desafios e oportunidades em tempos de ESG”, a nona edição do Coffee Dinner & Summit tem por objetivo promover o debate e a reflexão a respeito dos desafios econômicos, climáticos, regulatórios, logísticos e, principalmente, sobre as iniciativas sustentáveis desenvolvidas pelo Brasil e demais nações cafeeiras, as quais respeitam os critérios da governança socioambiental. Os interessados podem obter mais informações e realizar suas inscrições no site: https://coffeedinner.com.br/.

O 9º Coffee Dinner & Summit conta com apoio institucional da Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC), da Associação Brasileira da Indústria de Café Solúvel (Abics), da Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA), da European Coffee Federation (ECF), da National Coffee Association (NCA) e da Swiss Coffee Trade Association (SCTA).

ECOOAR – Criada em 2008 com o objetivo de reflorestar Áreas de Preservação Permanente da Mata Atlântica e demais biomas, a Ecooar é uma plataforma inovadora de compensação voluntária de gases de efeito estufa, com auditoria pública on-line e projetos adaptados às necessidades de cada parceiro, seguindo os princípios “Environmental, Social and Governance” (ESG).

Signatária do Pacto Global da ONU, a Ecooar desenvolve projetos e auditorias de emissões de GEE, certificação de preservação de florestas e corredores ecológicos, análise de processos de mitigação do aquecimento global e divulgação de ações sustentáveis para ampliação da Educação Ambiental, unindo pessoas, empresas, organizações e serviços, a fim de preservar e proteger nascentes, fauna, flora e biodiversidade, certificando essas ações através do Selo Verde Ecooar.

Fonte: Cecafé

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

Estudo procura ferramentas para ajudar cafeicultores do ES no combate à ferrugem

Foto: Acervo da Pesquisa Uma pesquisa da Ufes está criando um sistema para ...

Dois novos cursos de doutorado aprovados na Ufes em Alegre e Maruípe

A Capes aprovou dois novos cursos de doutorado na Ufes, um em Nutrição ...

Exportações do agro do Espírito Santo crescem 83% no primeiro semestre de 2024

Foto: Freepik Nos primeiros cinco meses de 2024, o agronegócio do Espírito Santo ...

Casos suspeitos de doença de Newcastle na zona de proteção são descartados no Rio Grande do Sul

Foto: Freepik Três casos suspeitos de doença de Newcastle (DNC) foram descartados após ...

Feira de Agronegócios Cooabriel tem projeção milionária de negócios

Foto: Cooabriel A Feira de Agronegócios da Cooabriel, realizada pela cooperativa e considerada ...