Cenouras produzidas em unidade prisional são doadas a instituições de Cachoeiro de Itapemirim

O Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro de Itapemirim (CDPCI) realizou, na última terça-feira (31), a doação de 140 quilos de cenoura ao Asilo Lar João XXIII e Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), ambos localizados no mesmo município. O legume é cultivado na unidade prisional, por seis internos do regime provisório. 

O diretor-adjunto da unidade prisional, Gabriel Rufino de Oliveira, explica que as doações são realizadas, em média, de quatro em quatro meses, de acordo com as safras do período. Na horta, também são cultivadas hortaliças, como alface e cebolinha, além de beterraba, abobrinha, entre outros.   

Anúncio

“Há três anos o Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro de Itapemirim realiza doações do que é cultivado na horta da unidade para várias instituições do município”, destaca Gabriel Rufino.  

Anúncio

Fonte: Secretaria de Estado da Justiça

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

Festival gastronômico celebra cultura capixaba com o Fest Torta em Vitória

Neste sábado (20) e domingo (21), no bairro Jesus de Nazareth, em Vitória, ...

Espírito Santo vai receber primeira Usina de Biometano para uso industrial e residencial

Foto: Hélio Filho/Secom Em um passo histórico rumo à sustentabilidade, o Espírito Santo ...

Valor bruto da produção ultrapassa R$ 1,14 trilhão em março

Soja, milho, Cana-de-açúcar, café e laranja foram responsáveis por 52% do valor total ...

Nater Coop premia startups em Programa de Inovação Aberta

Foto: Bruno Faustino Ao longo de 2023, a cooperativa impulsionou a inovação lançando ...

ES firma acordo para ampliar alcance de frutas e especiarias capixabas no mercado internacional

As frutas e especiarias produzidas no Espírito Santo ganharão ainda mais reconhecimento internacional, ...