Chuva intensa e possibilidade de formação de ciclone deixa Sul e Sudeste em alerta

Julio Huber

Possibilidade de chuvas intensas em boa parte do Brasil e até da formação de um ciclone deixa cidades brasileiras em alerta. Os avisos de maior perigo se concentram no Sudeste e em parte do Nordeste Brasileiro.

Anúncio

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de perigo para chuvas intensas para quase todo o Espírito Santo, boa parte de Minas Gerais, São Paulo, Goiânia, Paraná, Mato Grosso do Sul e Rio de Janeiro. O alerta tem vigência até 10h de amanhã (16).

Anúncio

Parte do Rio de Janeiro e do norte de São Paulo estão com alerta de “Grande Perigo” para acumulado de chuva nas próximas horas desta quinta-feira (15) e manhã de sexta-feira (16).

Segundo a Climatempo, uma frente fria se afasta no mar, na altura do Rio de Janeiro, mas a circulação de ventos em vários níveis da atmosfera vai concentrar ar úmido sobre a região Sudeste e muitas nuvens carregadas crescem em todos os estados.

“Tem muita chuva prevista para os estados do Sudeste até o domingo (18), mesmo com o afastamento desta frente fria para o alto-mar. A circulação ciclônica de ventos vai predominar na maior parte do Sudeste nos próximos dias, mantendo as condições favoráveis para o crescimento de nuvens carregadas”, informou a Climatempo.

CLICLONE – Uma baixa pressão atmosférica que se forma sobre o mar nesta quinta-feira, na costa do Rio de Janeiro, vai ajudar a aumentar a chuva sobre o estado e no litoral norte de São Paulo

Mas, esta baixa pressão atmosférica está chamando a atenção dos meteorologistas por vários motivos. Este sistema poderá se intensificar e gerar um ciclone independente, sem estar associado a nenhuma frente fria.

Várias simulações atmosféricas feitas em super computadores indicam que a pressão do ar vai baixar muito até o domingo, alcançando valores um pouco abaixo de 1000 hectopascais. Além disso, a circulação ciclônica de ventos (horária no Hemisfério Sul) deve se manter completamente fechada, com giro de 360 graus, desde o nível de superfície até cerca de 5 km de altitude. Em alguns dias, esta circulação horária completa é indicada até em 10 km de altitude.

Mesmo se formando sobre o alto-mar, este tipo de baixa pressão atmosférica é potencialmente perigosa porque gera ventos fortes e estimula a formação de nuvens de temporal.

Divergências de simulações computadorizadas

Segundo informações da Climatempo, por enquanto, as simulações atmosféricas de vários modelos meteorológicos estão apontando para evoluções diferentes desta baixa pressão atmosférica. O modelo americano (GFS) vê uma pressão do ar muito mais baixa do que o modelo europeu (ECMWF). A posição e o movimento da baixa pressão também são muito diferentes entre as duas simulações.

Estas divergências ocorrem diariamente e a ponderação entre as simulações, avaliando estas diferenças, é parte do trabalho dos meteorologistas que fazem previsão do tempo.

“Mas, optar por uma solução ou outra vai resultar em previsões do tempo diferentes. Se a baixa pressão for intensa, o vento será intenso e a chuva também. Mas se a pressão do ar não for muito baixa, as rajadas de vento não serão muito fortes. Os efeitos no continente também serão diferentes dependendo da proximidade da baixa pressão”, destacou a Climatempo.

Marinha faz alerta

A Diretoria de Hidrografia e Navegação da Marinha do Brasil emitiu uma nota técnica, ontem (14), alertando para a possibilidade de formação de um ciclone sobre o mar, a aproximadamente 235 km a sudeste da cidade de Arraial do Cabo, na região dos Lagos, no litoral do estado do Rio de Janeiro.

Há uma possibilidade de que este ciclone se intensifique e se transforme em uma Tempestade Subtropical. Se isto ocorrer, este ciclone será batizado de Akará, que é uma espécie de peixe. As tempestades subtropicais são associadas a rajadas de vento com até 83 km/h.

“Por enquanto tudo isso é só uma possibilidade. A Climatempo vai acompanhar a evolução da pressão do ar na costa fluminense nos próximos dias e informar a população, de forma clara, sobre este ciclone”, destaca a Climatempo.

Com informações: Climatempo e Inmet

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

Campeonato Brasileiro de Blends de Café será realizado no São Paulo Coffee Festival

Foto: Freepik A Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC) realizará a etapa ...

Equipes coletam dados para nova pesquisa da Conab da safra brasileira de grãos

Foto: iStock Farmer handful of harvested corn kernels from the heap loaded into ...

Comidas típicas da festa junina contam com 36% de impostos no preço final

Foto: Julio Huber A chegada das festas juninas costuma ser motivo de alegria ...

Capixaba é eleito o melhor criador e expositor na Megaleite 2024 na categoria CCG 1/2 Hol + 1/2 Gir

Encerrada a 19ª edição da Megaleite no último sábado (15), a Associação Brasileira ...

Equipamento promete secagem de cafés especiais em menos de 24 horas

Tecnologia desenvolvida pela Dryeration, foi testada e aprovada por produtores da Alta Mogiana ...