Ciclone bomba e massa de ar frio polar causam vento forte no Brasil

Ciclone bomba em alto-mar e massa de ar frio polar no Uruguai

Um forte ciclone extratropical (ciclone bomba) se formou, nesta segunda-feira (14), na costa da Região Sul do Brasil e a chegada de uma massa de ar frio de origem polar, também forte, sobre o Uruguai e no extremo sul do Brasil causam fortes rajadas de vento em várias cidades do país, incluindo o sul capixaba e a região metropolitana.

No fim da tarde, o vento forte era sentido em São Paulo. As rajadas vão continuar sendo observadas no decorrer da noite desta segunda-feira e na madrugada desta terça-feira (15).

Confira algumas rajadas intensas registradas até 18h (Brasília) pelo INMET – Instituto Nacional de Meteorologia e em aeroportos:

  • Chuí (RS): 75 km/h
  • Torres (RS): 73 km/h
  • Florianópolis (SC): 63 km/h (aero)
  • Arraial do Cabo (RJ): 69 km/h
  • São Sebastião (SP): 64 km/h
  • São Paulo (SP): 42 km/h (Campo de Marte)
  • Araranguá (SC): 58 km/h

O ciclone bomba em alto-mar e massa de ar frio polar no Uruguai causam grande variação da pressão atmosférica aumentando a velocidade do vento na costa do Sul e do Sudeste.

Últimas notícias

Menor oferta mundial de café impulsiona valores futuros

Os contratos futuros do café arábica tiveram desempenho positivo nesta semana, voltando a ...

Doze municípios do Espírito Santo passam para risco baixo de contaminação da Covid-19

O Governo do Estado anunciou, nesta sexta-feira (07), o 54º Mapa de Risco ...

Seminário discute déficit de armazenagem para grãos e aponta soluções emergenciais

A constatação da necessidade de aumentar o espaço para armazenar grãos nas principais ...

Conquistas no campo são alcançadas com o auxílio da Contribuição Sindical Rural

A Contribuição Sindical Rural (CSR) fortalece a categoria rural, e, é através dela ...

Ceasa-ES inicia coleta de culturas de produtos do mercado para análise

Ação vem sendo realizada em parceria com o MPES e a Vigilância Sanitária ...