Ciclone provoca ventos no Sul e chuva chega ao Sudeste

Foto: Julio Huber

Julio Huber

Um ciclone extratropical que atua no oceano, próximo ao litoral do Rio Grande do Sul, se afasta em direção ao alto-mar, mas ainda tem influência sobre o continente e já está causando a formação de uma frente fria, que começa a avançar em direção ao Sudeste. A previsão é que hoje e amanhã (4 e 5), haja intensas ventanias no litoral do Sul do Brasil

Hoje pela manhã, de acordo com o Climatempo, o sistema atuava no oceano a cerca de 250 km da costa do Rio Grande do Sul. No sul, no leste e nordeste do Rio Grande do Sul, assim como no sul de Santa Catarina, as rajadas de vento ainda são intensas entre 80 e 100km/h.

No interior gaúcho e catarinense e no sul e leste do Paraná há previsão de rajadas de 50 a 70km/h. A partir de sábado, já com o ciclone extratropical se afastado da costa e enfraquecido, a previsão é de que o vento diminui de intensidade no Sul.

CHUVA FORTE – Além das fortes rajadas de vento, o ciclone extratropical ainda provoca chuva forte nesta quinta-feira (4). A chuva volumosa é esperada para o sul e leste do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina.

De acordo com o Climatempo, a grande massa de ar quente e seco que na última semana predominou sobre o Sudeste do Brasil perdeu força, permitindo que uma frente fria avance para a região ainda nesta semana, mudando o tempo em São Paulo, no Rio De Janeiro, em Minas Gerais e no Espírito Santo.

A frente fria chega amanhã (5) e já provoca temporais, com chuva e ventos fortes em São Paulo, no sul e na zona da mata de Minas e no Rio de Janeiro. A frente fria juntamente com o ciclone extratropical, provoca rajadas de até 80km/h no litoral de São Paulo. Vento forte também nas demais áreas do centro-sul, do leste paulista e no Rio de Janeiro, com rajadas entre 50 e 70km/h.

A sexta-feira já amanhece com chuva em São Paulo. Aos poucos as nuvens aumentam e tem previsão de chuva também no sul e na zona da mata de Minas e no Rio de Janeiro. Tem previsão de temporais no leste paulista e, à noite, aumenta o risco de chuva e vento fortes também no Rio e no sul e Zona da Mata de Minas. No fim de semana, (6 e 7), a frente fria ainda influencia o Sudeste do Brasil e há previsão de elevados volumes de chuva.  

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) também emitiu um aviso para chuvas intensas e acumulado de chuva entre amanhã (5) e sábado (6) em 70 municípios do Espírito Santo. Ficam de fora da lista apenas as cidades localizadas no extremo norte capixaba, como São Mateus e Conceição da Barra, por exemplo.

O aviso tem início à meia noite de sexta-feira e segue até as 10h do sábado. Segundo o Inpe, ocorrerá chuva localmente de forte intensidade e acumulados expressivos de precipitação, devido a formação de uma Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) na área.

Além do Espírito Santo, o mesmo aviso compreende áreas de Minas Gerais, Goiás, Rio de Janeiro e São Paulo. Segundo o Inpe, ocorrerá chuva localmente de forte intensidade que pode ser acompanhada de descargas elétricas e ocasionais rajadas de vento. Entre o litoral norte de SP, RJ, centro-sul de MG e sul do ES os acumulados de precipitação podem ser bastante significativos.

Já o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), prevê chuva entre os dias 1º e 08. “De maneira geral, os acumulados de chuva deverão variar entre 5 e 80 mm, com maiores valores previstos para o sul do Rio Grande do Sul”, destacou um aviso do INMET.

Na Região Sudeste, o instituto prevê acumulados significativos de chuva principalmente em Minas Gerais, onde os acumulados poderão ficar em torno de 150 mm. Não estão descartados temporais isolados, acompanhados de rajadas de vento e descargas atmosféricas.

As chuvas também deverão ser significativas no Distrito Federal, Mato Grosso e Goiás, com previsão de acumulados de chuva variando entre 20 e 150 mm. No Mato Grosso do Sul as chuvas deverão ser mais escassas, não ultrapassando os 50 mm. Na região do MATOPIBA, a previsão de acumulados de chuva próximos aos 100 mm no oeste da Bahia e no leste e sul de Tocantins.

TEMPERATURAS – Já as temperaturas continuarão elevadas em grande parte do país, até o final de semana. Temperaturas próximas aos 40°C ainda poderão ser registradas em áreas da região Sudeste. No final da semana a tendência é de uma diminuição desses valores, mas ainda assim, as temperaturas máximas poderão ficar acima dos 30°C em grande parte do Brasil.

Últimas notícias

Morre um dos mais importantes touros da raça Gir Leiteiro

Dragão TE morreu no dia 1º de março e deixa importante legado para ...

Publicação do Incaper tem alto número de acessos em plataforma científica internacional

O livro “Guia de Interpretação de análise de solo e foliar” do Instituto ...

Mais de 700 licenças de pescadores são suspensas em 11 estados e no DF

Os registros foram suspensos em razão de inconsistências e indícios de irregularidades. A ...

Febre aftosa: 2ª etapa da campanha de vacinação alcança mais de 98% do rebanho nacional

Cerca de 76 milhões de bovinos e bubalinos com até 2 anos de ...

Projeto do Incaper desenvolve aplicativo de venda direta para a agricultura familiar

A primeira reunião para a identificação de estabelecimentos e produtores foi realizada na ...