Ciclone provoca ventos no Sul e chuva chega ao Sudeste

Foto: Julio Huber

Julio Huber

Um ciclone extratropical que atua no oceano, próximo ao litoral do Rio Grande do Sul, se afasta em direção ao alto-mar, mas ainda tem influência sobre o continente e já está causando a formação de uma frente fria, que começa a avançar em direção ao Sudeste. A previsão é que hoje e amanhã (4 e 5), haja intensas ventanias no litoral do Sul do Brasil

Hoje pela manhã, de acordo com o Climatempo, o sistema atuava no oceano a cerca de 250 km da costa do Rio Grande do Sul. No sul, no leste e nordeste do Rio Grande do Sul, assim como no sul de Santa Catarina, as rajadas de vento ainda são intensas entre 80 e 100km/h.

No interior gaúcho e catarinense e no sul e leste do Paraná há previsão de rajadas de 50 a 70km/h. A partir de sábado, já com o ciclone extratropical se afastado da costa e enfraquecido, a previsão é de que o vento diminui de intensidade no Sul.

CHUVA FORTE – Além das fortes rajadas de vento, o ciclone extratropical ainda provoca chuva forte nesta quinta-feira (4). A chuva volumosa é esperada para o sul e leste do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina.

De acordo com o Climatempo, a grande massa de ar quente e seco que na última semana predominou sobre o Sudeste do Brasil perdeu força, permitindo que uma frente fria avance para a região ainda nesta semana, mudando o tempo em São Paulo, no Rio De Janeiro, em Minas Gerais e no Espírito Santo.

A frente fria chega amanhã (5) e já provoca temporais, com chuva e ventos fortes em São Paulo, no sul e na zona da mata de Minas e no Rio de Janeiro. A frente fria juntamente com o ciclone extratropical, provoca rajadas de até 80km/h no litoral de São Paulo. Vento forte também nas demais áreas do centro-sul, do leste paulista e no Rio de Janeiro, com rajadas entre 50 e 70km/h.

A sexta-feira já amanhece com chuva em São Paulo. Aos poucos as nuvens aumentam e tem previsão de chuva também no sul e na zona da mata de Minas e no Rio de Janeiro. Tem previsão de temporais no leste paulista e, à noite, aumenta o risco de chuva e vento fortes também no Rio e no sul e Zona da Mata de Minas. No fim de semana, (6 e 7), a frente fria ainda influencia o Sudeste do Brasil e há previsão de elevados volumes de chuva.  

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) também emitiu um aviso para chuvas intensas e acumulado de chuva entre amanhã (5) e sábado (6) em 70 municípios do Espírito Santo. Ficam de fora da lista apenas as cidades localizadas no extremo norte capixaba, como São Mateus e Conceição da Barra, por exemplo.

O aviso tem início à meia noite de sexta-feira e segue até as 10h do sábado. Segundo o Inpe, ocorrerá chuva localmente de forte intensidade e acumulados expressivos de precipitação, devido a formação de uma Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) na área.

Além do Espírito Santo, o mesmo aviso compreende áreas de Minas Gerais, Goiás, Rio de Janeiro e São Paulo. Segundo o Inpe, ocorrerá chuva localmente de forte intensidade que pode ser acompanhada de descargas elétricas e ocasionais rajadas de vento. Entre o litoral norte de SP, RJ, centro-sul de MG e sul do ES os acumulados de precipitação podem ser bastante significativos.

Já o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), prevê chuva entre os dias 1º e 08. “De maneira geral, os acumulados de chuva deverão variar entre 5 e 80 mm, com maiores valores previstos para o sul do Rio Grande do Sul”, destacou um aviso do INMET.

Na Região Sudeste, o instituto prevê acumulados significativos de chuva principalmente em Minas Gerais, onde os acumulados poderão ficar em torno de 150 mm. Não estão descartados temporais isolados, acompanhados de rajadas de vento e descargas atmosféricas.

As chuvas também deverão ser significativas no Distrito Federal, Mato Grosso e Goiás, com previsão de acumulados de chuva variando entre 20 e 150 mm. No Mato Grosso do Sul as chuvas deverão ser mais escassas, não ultrapassando os 50 mm. Na região do MATOPIBA, a previsão de acumulados de chuva próximos aos 100 mm no oeste da Bahia e no leste e sul de Tocantins.

TEMPERATURAS – Já as temperaturas continuarão elevadas em grande parte do país, até o final de semana. Temperaturas próximas aos 40°C ainda poderão ser registradas em áreas da região Sudeste. No final da semana a tendência é de uma diminuição desses valores, mas ainda assim, as temperaturas máximas poderão ficar acima dos 30°C em grande parte do Brasil.

Últimas notícias

Incaper lança sistema eletrônico de avaliação de sustentabilidade da cafeicultura

Foto: Divulgação Incaper A sustentabilidade na cafeicultura é um dos ideais que norteiam ...

Inscrições para coordenação de pesquisa sobre peixes começam na segunda-feira (24)

As inscrições para a seleção de coordenador de projeto de pesquisa do Instituto ...

Venda Nova do Imigrante é destaque em projeto de qualificação do turismo rural

A rota de Agroturismo em Venda Nova do Imigrante foi validado pelo Ministério ...

Café: números da exportação demonstram a força da produção

Com a recente divulgação dos dados de exportação do café brasileiro fica claro ...

Batata apresenta queda de preços enquanto cebola sobe nas Centrais de Abastecimento

Um dos tubérculos mais utilizados na culinária brasileira, a batata apresentou oferta recorde ...