Circuito Nelore de Qualidade aperfeiçoa regulamento, cria novo campeonato e avança na avaliação da qualidade da carne

O Circuito Nelore de Qualidade 2021, iniciativa da Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB), com início programado para o fim de maio, tem aperfeiçoamentos no regulamento, que incluem novo campeonato, mudanças em avaliações e implementação de nova premiação.

Uma das novidades é o campeonato “Melhores Lotes de Carcaças de Animais com Pai Identificado”, cujo objetivo é reunir dados de características de carcaças de progênies de reprodutores Nelore e Nelore Mocho, de forma a evidenciar o impacto do uso de genética selecionada na melhoria da eficiência produtiva e da qualidade da carne dos animais. O novo campeonato junta-se aos já existentes: Melhor Lote de Carcaças de Machos e de Fêmeas, Melhor Compra de Boi do Circuito, Melhor Lote de Carcaças de Animais Terminados em Pastagens e Melhor Lote de Carcaças de Animais Castrados.

O Circuito Nelore de Qualidade também avança nas premiações, com a inclusão da medalha Ouro Branco, que será concedida para fêmeas com até 4 d.i.p e para machos castrados com até 2 d.i.p, com cobertura de gordura na carcaça mediana acima e peso de carcaça quente entre 16 e 25 arrobas. Serão coletadas amostras de carne dos animais destes lotes, que serão submetidas à análises laboratoriais para a aferição de suas características, especialmente as sensoriais.

Outro aperfeiçoamento do Circuito Nelore de Qualidade em 2021 é o ajuste na faixa de peso das carcaças quentes. Até 2020, a faixa de maior pontuação incluía machos de 18 a 23 arrobas com 2 ou mais Dentes Incisivos Permanentes (d.i.p) e era permitido ter animais com até 26 arrobas com zero d.i.p. Agora, a carcaça recebe a nota máxima pesando entre 18 e 25 arrobas, independentemente do número de d.i.p.  

“Acompanhamos a evolução zootécnica da raça Nelore, especialmente em termos de precocidade de terminação e aumento do peso médio de abate. Essa mudança objetiva adequar o Circuito ao avanço do melhoramento genético”, pontua André Locateli, gerente executivo da Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB).

Para efeito de desempate entre lotes de mesma pontuação final, foram acrescentados novos quesitos: Uniformidade de Peso de Carcaça no Lote e Volume de Peso de Carcaças com Pontuação Máxima.

Outra alteração para o Circuito: nas etapas onde houver apenas 1 lote de machos e/ou fêmeas com 20% do total de animais com nota zero em algumas características avaliadas, a carcaça perde o direito à premiação de Melhor Lote de Carcaças do sexo correspondente. Mesmo assim, o lote pode concorrer nos Campeonatos e Premiações Especiais do Circuito.

“Essas atualizações objetivam que o Circuito Nelore de Qualidade continue evidenciando o potencial de produção de carne de qualidade da raça Nelore, a mais importante e presente na pecuária nacional”, completa André Locateli.

O Circuito Nelore de Qualidade tem como meta a realização de 40 etapas ao longo do ano. Já estão confirmadas etapas em unidades dos frigoríficos Friboi e Frisa, em 11 estados do país. A série de abates técnicos tem o apoio da Matsuda Sementes e Nutrição Animal e da Friboi. 

O regulamento pode ser acessado na íntegra no site da ACNB http://www.nelore.org.br/CircuitoNelore

Fonte: Texto Comunicação Corporativa

Últimas notícias

Programa de treinamento para mulheres em café é lançado no Espírito Santo

Começou, na última terça-feira (19), o primeiro curso do Programa de Treinamento em ...

Aberta consulta pública para melhorias dos requisitos de identidade e qualidade do presunto

As alterações propostas são aplicáveis ao presunto produzido em estabelecimento com SIF, buscam ...

Conab divulga leilões para iniciar a compra de milho para abastecimento do Milho Balcão

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) liberou os primeiros editais referentes à compra ...

Evento reunirá cultura, arte e sabores capixabas em Cariacica

Valorizar as produções capixabas, em especial, as que são originalmente cariaciquenses. Esse é ...