Cooperativas capixabas crescem e já reúnem 747 mil cooperados

Também foi registrado aumento em diversos outros indicadores, como número de colaboradores e faturamento total

O cooperativismo no Espírito Santo registrou um crescimento de 22,3% no número de cooperados no último ano. A informação foi divulgada na manhã desta quinta-feira (19/10), durante o lançamento do Anuário do Cooperativismo Capixaba 2023. De acordo com a publicação, as cooperativas fecharam 2022 com 747 mil cooperados, 137 mil a mais do que em 2021, quando somou 610 mil pessoas.

O levantamento também apontou avanço em diversos outros indicadores. Em termos econômicos, as 115 cooperativas registradas junto ao Sistema OCB/ES tiveram um faturamento de R$ 11,5 bilhões, o que representa um aumento de 37%. Com isso, houve ampliação também na participação no PIB nominal capixaba, que passou de 5,5% em 2021 para 6,4% em 2022.

Anúncio

Além disso, toda essa evolução resultou em mais oportunidades de trabalho e renda para a população do Espírito Santo. Juntas, as coops contabilizaram 11,5 mil vagas de empregos diretos e formais. O quadro cresceu 15,4% em relação a 2021, com 1,6 mil novas vagas. As mulheres são maioria nesse cenário, representando 59,4% dos trabalhadores.

Anúncio

De acordo com o presidente do Conselho Administrativo do Sistema OCB/ES, Dr. Pedro Scarpi Melhorim, todos esses números demostram a força do cooperativismo no estado. Além disso, a liderança aponta que o retorno dado pelo movimento cooperativista à sociedade ocorre de diferentes formas.

“Nossos avanços são benéficos não só para as cooperativas, mas também para o Estado e a sociedade. Para termos uma ideia, as coops capixabas recolheram R$ 589 milhões em tributos aos cofres públicos no último ano. Entram nessa conta impostos e taxas. Ao olharmos o volume recolhido em 2021, percebemos um expressivo aumento de 6,4%, que faz toda a diferença para os órgãos públicos e a população”, avalia.

Outro dado de impacto revelado pelo anuário é o de participação do coop na população capixaba. De acordo com a publicação, quase metade da população do estado (46,8%) está diretamente ou indiretamente envolvida com o modelo de negócio. O cálculo leva em conta a soma do número de cooperados e colaboradores multiplicada pela média de pessoas residentes por domicílio no país, conforme estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

“O nosso movimento está cada vez mais presente na realidade das pessoas, promovendo oportunidade, mais dignidade e qualidade de vida. Quanto mais as cooperativas se fortalecem, mais a população ganha. É um desenvolvimento que gera resultados positivos em cadeia. Portanto, é de interesse comum que as cooperativas possam crescer ano a ano”, observa o diretor-executivo do Sistema OCB/ES, Carlos André Santos de Oliveira.

PRINCIPAIS INDICADORES – O Anuário do Cooperativismo Capixaba é uma publicação que compila os principais indicadores do movimento cooperativista no Espírito Santo, mostrando o seu impacto positivo na economia, no desenvolvimento do estado e na vida de milhares de pessoas. A primeira edição foi lançada em 2020.

Nas suas páginas, é possível conferir dados específicos dos ramos de atuação em que as cooperativas atuam, do agro à saúde, do crédito ao consumo. Além disso, o material traz dados gerais que permitem acompanhar o avanço desse modelo de negócio como um todo.

A seguir, confira os principais números registrados no Espírito Santo em 2022. Para mais detalhes, acesse e leia na íntegra o Anuário do Cooperativismo Capixaba 2023.

  • 115 cooperativas registradas
  • 747 mil cooperados
  • 11,5 mil empregos diretos e formais
  • 1,8 milhão de pessoas envolvidas com o cooperativismo
  • 6,4% do PIB nominal do Espírito Santo
  • R$ 5,3 bilhões de patrimônio líquido
  • R$ 27 bilhões em ativos totais
  • R$ 11,5 bilhões em movimentação econômica
  • R$ 589 milhões em impostos e taxas

Fonte: Sistema OCB/ES

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

Feira de Agronegócios Cooabriel 2024 acontecerá em julho

O evento é considerado o maior do agro no estado do Espírito Santo ...

Café canéfora tem zoneamento de risco climático atualizado

Foto: Humberto Franco O Zarc delimita regiões e épocas de cultivo em classes ...

Senar-ES quer fortalecer o agro em Santa Leopoldina

Contribuir para um cenário de crescente desenvolvimento da produção sustentável no Espírito Santo ...

Ales vai promover sessão em homenagem às mulheres cooperativistas

Foto: Freepik Reunião acontece na próxima semana. Pauta foi proposta pela Comissão Permanente ...

Brasil produziu quase 900 mil toneladas de peixes de cultivo

A piscicultura venceu adversidades e cresceu 3,1% Em 2023 O Brasil produziu 887.029 ...