Estudo sobre árvore utilizada em recuperação florestal é divulgado em revista internacional

Tronco da espécie Gonçalo-Alves; nome científico: Astronium fraxinifolium, da família Anacardiaceae

O resultado de um estudo realizado pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), em parceria com o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), foi publicado por meio de um artigo na revista internacional Plant Genetic Resources. O conteúdo da pesquisa traz informações sobre a diversidade e a estrutura genética de uma espécie de árvore utilizada na recuperação de áreas degradadas. Os dados foram coletados em Unidades de Conservação do Espírito Santo.

Trata-se da chamada gonçalo-alves, cujo nome científico é Astronium concinnum, uma espécie madeireira com grande interesse potencial econômico, pois é muito utilizada em construções civis, navais e móveis de luxo, e ambiental, por ser usada no reflorestamento e recuperação de áreas degradadas. As plantas matrizes foram analisadas em Unidades de Conservação, na Floresta Nacional de Pacotuba e na Reserva Particular do Patrimônio Natural do Cafundó, localizadas no sul do Estado.

Anúncio

A pesquisadora em Melhoramento Genético Vegetal do Incaper, Sarah Ola Moreira, explicou que os marcadores moleculares e as análises estatísticas indicaram que as matrizes presentes nas duas unidades de conservação têm estrutura genética semelhante, gerada pela troca de material genético entre elas, o que garante a biodiversidade. “Isso reforça a necessidade de manutenção dessas unidades de conservação para preservarmos a variabilidade genética da espécie”, disse.  

Anúncio

Plant Genetic Resources é uma revista internacional que reúne os mais diversos temas relacionados com os recursos genéticos vegetais. Cada edição dá acesso aos artigos de pesquisa revisados ​​​​por pares sobre variação genética em plantas cultivadas e não cultivadas. A revista é de interesse de pesquisadores e cientistas envolvidos na comunidade de recursos genéticos vegetais, incluindo criadores, e todos aqueles com interesse em germoplasma, além de formuladores de políticas, consultores e estudantes de pesquisa.

O artigo pode ser acessado, e traduzido, por meio do link:  

https://www.cambridge.org/core/journals/plant-genetic-resources/article/abs/diversity-and-genetic-structure-of-astronium-concinnum-schott-ex-spreng-in-conservation-units/8A879B142B182237A419850C3EA6F8EF

Fonte: Incaper

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

Consumo de café solúvel cresce 5,3% no trimestre

Setor vem em expansão desde 2016; avanço reflete investimentos em qualidade, diversidade, formação ...

ES+Café irá promover imersão no universo da cafeicultura capixaba

A Feira ES+Café irá promover uma verdadeira imersão no universo da cafeicultura capixaba ...

Projeto entrega novas barracas a feirantes de Vitória

Foto: Marcos Salles Entrega das novas barracas das Feiras Livre Os feirantes que ...

Como plantar mais café em espaço reduzido?

O pesquisador do Incaper, Paulo Sérgio Volpi, destacou que o jardim clonal superadensado ...

Parceria estratégica do Sistema OCB busca fortalecer cadeia de lácteos

Foto: Reprodução / Sistema OCB Unidade nacional se reuniu com Conselho dos Exportadores ...