Fim de semana com mar agitado no Sul e Sudeste

O fim de semana segue em alerta para mar muito agitado no litoral do Sul e do Sudeste. Há risco de ressaca em várias praias. Fique atento!

SUL – O mar já começou a subir no Rio Grande do Sul e, ao longo da tarde de ontem (03), sobe também em Santa Catarina e no Paraná. Neste sábado as ondas chegam a 3 metros, com picos de 3.5 metros, no litoral do Rio Grande do Sul e Florianópolis. Há risco de ressaca até este domingo (04) nestas áreas. No litoral norte de Santa Catarina e no litoral do Paraná, as ondas chegam a 2 metros.

No domingo, o mar permanece bastante agitado em toda a costa do Sul do Brasil, com ondas de até 3 metros em quase todas as praias. A partir da tarde a agitação marítima diminui entre Florianópolis/SC e Paraná, mas os ventos fortes de norte sobre o oceano mantêm o mar agitado o dia todo na costa do Rio Grande do Sul e sul de Santa Catarina. Ondas de até 3 metros ainda poderão ser observadas nestas áreas até a manhã de segunda-feira(05), diminuindo ao longo do dia.

SUDESTE – O mar começou a subir na noite deste sábado (03) em São Paulo, e neste domingo (04) no Rio de Janeiro. Ao longo do domingo, o mar continua subindo nestas localidades. As ondas podem chegar a 3 metros entre o litoral norte de SP e a região dos Lagos, e a 2,5m nas demais praias dos dois estados. Há risco de ressaca entre a Baixada Santista e a região dos Lagos. Em alto-mar, as ondas podem chegar a 4 metros. Há risco de ressaca de Santos até Cabo Frio/RJ.

Nesta segunda-feira (05), a agitação marítima diminui ao longo do dia. No litoral norte de São Paulo e no litoral do Rio de Janeiro, as ondas ainda chegam a 2,5 metros, baixando para 1,5-2 metros à noite. Nas demais praias de São Paulo, o dia começa com ondas de até 1,5m, baixando a partir da tarde para menos de 1metro.

Fonte: Climatempo

Últimas notícias

Tratoraço reúne mais de dois mil veículos contra taxação do ICMS

Um tratoraço realizado na manhã de ontem (14), na Avenida Coronel Marcondes, em ...

Valor da Produção Agropecuária de 2020 é o maior da história

Foto: Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil A carne bovina foi um ...

Conab vende mais de 140 mil toneladas de milho para pequenos criadores em 2020

A comercialização de milho dos estoques do governo federal pôde beneficiar mais de ...

Projeto faz reúso de água para produção de alimentos

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) ...

Idaf registra primeira agroindústria de 2021 em Ibitirama

Uma queijaria de Ibitirama foi o primeiro estabelecimento de 2021 registrado junto ao ...