Governo do Estado investe R$ 9,9 milhões para calçar 28 trechos rurais em 2023

O Governo do Espírito Santo levou, em 2023, calçamento rural para 28 trechos de estradas rurais do interior capixaba. No total, a Secretaria da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) instalou 19,4 quilômetros de blocos de concreto em 13 municípios, com investimento de R$ 9,9 milhões.

Com as ações de calçamento rural, diversas vias recebem blocos intertravados (tipo holandês) e meios-fios para as prefeituras realizarem a instalação. Dessa forma, os locais passam a contar com melhores condições de trafegabilidade, com mais conforto para os moradores da região, além de garantir também mais segurança e redução de custos no escoamento da produção agrícola.

Anúncio

O secretário de Estado da Agricultura, Enio Bergoli, afirma que uma das prioridades do Governo do Estado é investir em obras que fortaleçam a infraestrutura rural.

Anúncio

“O objetivo do nosso trabalho é proporcionar melhores condições de vida ao homem do campo. A agricultura no Espírito Santo tem como característica ser amplamente de base familiar, além de ter forte representatividade na geração de emprego e renda e também ser influente na economia capixaba. Os investimentos em calçamento rural garantem mais segurança para o escoamento da produção agrícola e também impulsionam o agroturismo e o acesso a serviços de saúde, educação e abastecimento”, ressaltou Bergoli.

Somente em 2023, comunidades de 13 municípios passaram a contar com 116.419 metros quadrados de blocos instalados a partir do investimento direto de R$ 9,9 milhões do Governo do Estado.

O município que mais recebeu recursos para calçamento, no ano passado, foi Itarana, com mais de R$ 2 milhões investidos por meio da Seag para revestir quatro quilômetros de vias em comunidades rurais. Um dos locais beneficiados foi a localidade de Santa Helena, a cerca de cinco quilômetros da sede. Há cerca de uma década, o autônomo Victório Júnior Brandemburg, 19 anos, e sua família moram próximo ao local que acaba de receber o calçamento.

“Essa estrada conta com bastante movimento de carros e caminhões. Por isso, as pessoas gostaram bastante porque melhorou a situação dos buracos, da poeira e, na época de chuvas, da lama”, considera o jovem.

Outro município entre os mais beneficiados no último ano foi Domingos Martins, que recebeu 3,4 quilômetros de calçamento rural em seis trechos, resultado de um investimento de R$ 1,7 milhão. “Acabaram os problemas, os buracos e a lama. Hoje a estrada está boa e estamos aqui para produzir um bom café para as pessoas conhecerem”, afirma o produtor de cafés especiais Vagner Uliana.

Morador de Pedra Azul, ele trabalha com agroturismo há 15 anos. “No final de 2022, quando chegou a temporada de chuvas, não tínhamos como atender ninguém aqui na propriedade”, revelou ele explicando que a situação das estradas impossibilitava a visita de turistas. “Hoje, a Rota do Carmo está incrível”, concluiu.

Calçamento Rural 2023 (municípios contemplados)

Fonte: Seag

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

Consumo de café solúvel cresce 5,3% no trimestre

Setor vem em expansão desde 2016; avanço reflete investimentos em qualidade, diversidade, formação ...

ES+Café irá promover imersão no universo da cafeicultura capixaba

A Feira ES+Café irá promover uma verdadeira imersão no universo da cafeicultura capixaba ...

Projeto entrega novas barracas a feirantes de Vitória

Foto: Marcos Salles Entrega das novas barracas das Feiras Livre Os feirantes que ...

Como plantar mais café em espaço reduzido?

O pesquisador do Incaper, Paulo Sérgio Volpi, destacou que o jardim clonal superadensado ...

Parceria estratégica do Sistema OCB busca fortalecer cadeia de lácteos

Foto: Reprodução / Sistema OCB Unidade nacional se reuniu com Conselho dos Exportadores ...