Idaf: vacinação contra febre aftosa permanece obrigatória em 2022

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) esclarece que a vacinação de bois e búfalos contra febre aftosa ainda deve ser realizada este ano, tanto em maio quanto em novembro.

O Espírito Santo está entre os sete estados (de um total de onze que compõem o Bloco IV do Plano Estratégico para retirada da vacinação) autorizados pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) a suspender a vacinação a partir de 2023.

Continua após o anúncio

O Idaf reforça que o alto índice de vacinação nessas duas últimas etapas é essencial para que o Espírito Santo permaneça no processo de retirada da vacinação. Portanto, a vacinação continua obrigatória nas etapas que ocorrem nos meses de maio e novembro de 2022.

Contamos com vocês, criadores, revendedores de vacina autorizados e toda a cadeia produtiva para avançarmos ainda mais e elevarmos o percentual de animais imunizados.

Fonte: Idaf-ES

Últimas notícias

Confirmada: 11ª Feira de Negócios Coocafé será presencial

Um dos principais eventos realizados para o cooperado Coocafé é a Feira de ...

Alunos aprendem, na prática, como vacinar o rebanho

Mais uma ação do projeto “Vai pra Roça” foi realizada em São Gabriel ...

Conab lança modalidade de leilão para abastecer pecuaristas

Uma novidade foi lançada pela Companhia Nacional de Abastecimento  (Conab) para os pecuaristas ...

Alysson Paolinelli, indicado ao Nobel da Paz, participará da Feira de Agronegócios da Cooabriel

Indicado ao prêmio Nobel da Paz em 2021, o ex-ministro e professor Alysson ...

Prazo para vacinar animais de 0 a 2 anos contra febre aftosa está acabando

A vacinação de bovinos e bubalinos acontece até o dia 31 de maio ...