II Congresso Mundial de ILPF recebe inscrições e trabalhos científicos

A expectativa da organização do II Congresso Mundial sobre Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta – ILPF – (World Congress on Integrated Crop-Livestock-Forestry Systems) (II WCCLF) é de receber cerca de 1.000 inscrições até o dia 4 de maio, quando começa o evento a ser realizado de forma totalmente virtual durante os dias 4 e 5 de maio. 

Os inscritos poderão submeter trabalhos científicos até o final deste mês, dia 30 de março e devem estar relacionados a 10 temas entre eles, emissões de gases de efeito estufa e sequestro de carbono, transferência de tecnologia para sistemas integrados; aspectos econômicos e sociais e agricultura familiar. 

“Serão aceitos até dois trabalhos por inscrição. Deverão ser escritos somente em inglês, ter no mínimo duas páginas e no máximo seis páginas, com até duas figuras e/ou tabelas”, informa Lucimara Chiari, pesquisadora da Embrapa Gado de Corte e secretária executiva da Comissão Organizadora. A pesquisadora também avisa que “o resumo aprovado terá o pôster exposto na área restrita da plataforma digital do evento, e será publicado nos anais do II WCCLF”. As normas de submissão de trabalhos podem ser conhecidas com mais detalhes clicando aqui.

VALORES – As inscrições estão chegando de toda parte do Brasil e do exterior, disse Chiari. “Estamos acompanhando com grande entusiasmo acreditando que atingiremos um público maior que do I Congresso, quando recebemos cerca de 600 participantes”. Estão se inscrevendo professores, pesquisadores, estudantes, produtores rurais, técnicos agropecuários e profissionais da indústria na área de insumos e máquinas agrícolas.  As inscrições poderão ser feitas até o dia 4 de maio no site oficial do Congresso (II WCCLF) pelo endereço: https://www.wcclf2021.com.br/inscricao 

O valor para profissionais é de 150 reais e estudantes pagam somente 75 reais. E tem promoção: a cada 10 inscrições pagas em grupo, a 11ª da mesma categoria, será cortesia. Estudantes inscritos receberão certificado de participação. Mais detalhes no endereço: [email protected]. Os inscritos no II Congresso terão direito a participar de toda programação científica que inclui a apresentação de palestras, debates e trabalhos científicos de forma digital com acesso por meio de login e senha a ser enviada pelo e-mail cadastrado no ato da inscrição. 

O futuro da produção sustentável no Brasil e no mundo

“O II Congresso Mundial de ILPF é o maior e mais estratégico encontro de especialistas, profissionais, estudantes, produtores e inovadores de diversos segmentos das cadeias de sistemas integrados. É a oportunidade de conhecer o estado da arte da ILPF e refletir sobre o futuro da produção sustentável de alimentos, fibras e bioenergia para o mundo”, a manifestação é do presidente da Comissão Organizadora do II WCCLF, Cléber Oliveira Soares, pesquisador da Embrapa/MAPA.

O evento contará com painéis temáticos e 30 palestras que serão proferidas por cientistas brasileiros, estrangeiros e produtores rurais. A programação inclui debates além de apresentação de trabalhos de forma digital. A palestra de abertura do Congresso será do presidente Celso Moretti, da Embrapa que abordará: “Desafios para o futuro da ILPF no Brasil” e em seguida a apresentação internacional do professor Rattan Lal, da Universidade do Estado americano de Ohio, intitulada: “ILPF e agricultura sustentável no mundo”. A programação completa das palestras pode ser conhecida aqui .

VANTAGENS – A ILPF é um sistema de produção que integra três atividades diferentes: a agrícola, a pecuária e a florestal em uma mesma área. Os trabalhos podem ser conduzidos em consórcio, rotação ou sucessão, desde que sejam interativos e gerem benefícios para o sistema. A sua adoção pode acontecer por pequenos, médios e grandes produtores e em todos os biomas brasileiros.

As principais vantagens da ILPF incluem o aumento da produção de carne, leite, grãos e madeira; conserva o solo melhorando sua qualidade; promove maior estabilidade econômica, a sustentabilidade na produção e o bem-estar dos animais; aumenta a renda líquida do agronegócio; recupera áreas degradadas e outras duas grandes vantagens: mitigam as emissões de gases que causam o efeito estufa e reduzem a pressão pela abertura de novas áreas de pasto. 

A adesão da ILPF por agricultores e pecuaristas tem aumentado consideravelmente nos últimos anos. A busca é por solucionar a degradação de pastagens, reduzir impactos ambientais e aumentar a rentabilidade por hectare. É uma preocupação mundial manter produtiva as áreas agricultáveis e por esse motivo realizar mais um Congresso internacional se torna oportuno, importante e  necessário. 

O II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta é uma realização do Mapa, Embrapa, Rede ILPF, Famasul, Semagro e governo do Estado de MS. O evento conta com apoio da Fundação de Turismo de MS (Fundtur), Fundação de apoio à pesquisa Agropecuária e Ambiental (Fundapam),  Fundação MS, Fundação Universidade Federal de MS (UFMS) e Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).


Informações gerais sobre o evento podem ser conhecidas clicando aqui 

Fonte: Embrapa

Últimas notícias

Nova instrução normativa de bem-estar animal nas granjas brasileiras é tema de evento on-line

A nova instrução normativa (IN 113/2020) que visa as adequações de manejo e ...

Líbia prepara primeira exposição focada em cafés

Evento reunirá produtores, vendedores, representantes de marcas nacionais e regionais, além dos amantes ...

Jerônimo Monteiro realiza primeira Mostra de Café Especial

O município de Jerônimo Monteiro vai realizar a 1ª Mostra de Café Especial. ...

Tradição familiar no agronegócio em evidência na Praça do Papa

A tradição familiar marca o agronegócio capixaba, que, segundo dados do Governo do ...

Ação de fiscalização do Mapa apreende 173 mil litros de bebidas com indícios de fraude

Uma ação de fiscalização do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) resultou ...