Interditado local que abatia cavalo para vender como carne bovina no Espírito Santo

Fotos: Polícia Civil

A Delegacia de Polícia (DP) de Alfredo Chaves, com o apoio da Delegacia Regional de Guarapari, do Batalhão Ambiental da Polícia Militar do Espírito Santo (PMES) e do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf), deflagrou, nesta terça-feira (06), a Operação “Dia de Caça”. O objetivo é combater a caça, o abate e a venda clandestina de animais.

Anúncio

No local eram abatidos os cavalos e as carnes vendidas como sendo de boi em mercados do Espírito Santo

Na manhã de hoje foram cumpridos 22 mandados de busca e apreensão em Alfredo Chaves, Guarapari e Viana. Com as diligências realizadas na divisa desses três municípios, foi localizado um local para abate clandestino de animais.

Anúncio

As investigações constataram que os proprietários furtavam cavalos, abatiam e vendiam como carne bovina. No local, foram encontrados 17 cavalos vivos prontos para o abate, diversos porcos que eram alimentados com vísceras dos animais abatidos, além de partes como cabeça, costela, patas e coração de equinos. As diligências estão em andamento e até o momento uma pessoa foi detida.

Fonte: Polícia Civil

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

Feira de Agronegócios Cooabriel 2024 acontecerá em julho

O evento é considerado o maior do agro no estado do Espírito Santo ...

Café canéfora tem zoneamento de risco climático atualizado

Foto: Humberto Franco O Zarc delimita regiões e épocas de cultivo em classes ...

Senar-ES quer fortalecer o agro em Santa Leopoldina

Contribuir para um cenário de crescente desenvolvimento da produção sustentável no Espírito Santo ...

Ales vai promover sessão em homenagem às mulheres cooperativistas

Foto: Freepik Reunião acontece na próxima semana. Pauta foi proposta pela Comissão Permanente ...

Brasil produziu quase 900 mil toneladas de peixes de cultivo

A piscicultura venceu adversidades e cresceu 3,1% Em 2023 O Brasil produziu 887.029 ...