Julho pode terminar com frio e geada no Brasil

Uma nova frente fria vai romper o bloqueio atmosférico que está impedindo o avanço de instabilidades sobre o Brasil. Essa frente fria vem acompanhada de uma massa de ar polar mais intensa, por isso a tendência é de queda acentuada de temperatura em muitas áreas do centro-sul do Brasil nos últimos dias de julho. A Climatempo prevê geada ampla na Região Sul, além de uma pequena chance de neve nas serras do Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Na sexta-feira (29), as temperaturas já vão diminuir de forma bem expressiva em relação aos dias anteriores. Vai esfriando cada vez mais ao longo do dia e as mínimas serão registradas à noite em grande parte do Sul.

O pico do frio é esperado para o sábado (30). A madrugada será bem fria e com previsão de geada ampla na região. O litoral do Sul não deve registrar geada, assim como Porto Alegre, a capital gaúcha, mas nas demais áreas indicadas no mapa, inclusive em Curitiba, há condição.

NEVE – Os modelos meteorológicos ainda oscilam bastante sobre a possibilidade de neve na região serrana de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul no dia 29 de julho, mas o Climatempo não descarta a chance de alguma precipitação invernal, como neve ou até chuva congelada no fim da tarde.

Fonte: Climatempo

Últimas notícias

Concurso de Qualidade de Amêndoas de Cacau Capixaba chega à etapa de visita das propriedades

As visitas às 12 propriedades classificadas na 6ª edição do Concurso de Qualidade ...

Festival Aracruz Sabores começa nesta quinta-feira (11)

Foto: Arquivo Secom / Aracruz O evento vai reunir sabores, cerveja artesanal, vinhos, ...

Método simples e barato monitora qualidade da água em viveiros de tilápias

Photo: Gabriel Pupo Nogueira Cientistas utilizam bentônicos, organismos invertebrados indicadores de qualidade da ...

Produção de cacau volta a crescer no Brasil, após controle de vassoura-de-bruxa e outras doenças

Foto: Shutterstock Composition with cocoa pod and products on wooden background, top view ...

Setor de distribuição de insumos está apreensivo com os desafios deste ano

Foto: iStock “O setor de distribuição de insumos agrícolas, que comemorou um 2021 ...