Kits para tratamento de água nas agroindústrias familiares são entregues no Espírito Santo

O Governo do Estado do Espírito Santo, por meio da Secretaria da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), entregou, nesta terça-feira (26), em Viana, 160 kits para o tratamento simplificado de água nas agroindústrias familiares do Espírito Santo. O objetivo da ação é melhorar o processo de produção agroindustrial, evitando a contaminação dos alimentos e garantindo a melhor qualidade dos produtos.

Os materiais disponibilizados pela Seag serão utilizados para a instalação de dosadores de cloro nas agroindústrias familiares presentes em diversas regiões do Estado. Com investimento de R$ 99 mil para os 160 kits, a ação faz parte do Agrolegal (Programa de Agroindústria e Empreendedorismo Rural).

Anúncio

“O último diagnóstico realizado pelo Incaper apontou que 46% das agroindústrias presentes no Espírito Santo ainda não utilizam nenhuma forma de tratamento de água. A contaminação dos produtos pela água, além de permitir a deterioração dos alimentos, pode contribuir para a transmissão de enfermidades, gerando problema de saúde pública e prejuízo nas agroindústrias familiares. Com essa ação, o Governo do Estado vai melhorar o processo de produção, mitigando o risco de contaminação e aumentando a qualidade dos produtos”, destacou o secretário de Estado da Agricultura, Enio Bergoli.

Anúncio

O secretário afirmou ainda que a ação beneficia diretamente os produtores rurais com políticas públicas que evitam o prejuízo financeiro e garantem a saúde alimentar dos consumidores. “Essa ação é fundamental para o desenvolvimento sustentável das atividades das agroindústrias familiares, garantindo o aumento da oferta de produtos seguros ao consumo humano no mercado e evitando prejuízos do setor”, pontuou.

Cada kit distribuído tem um clorador automático de pastilhas; um tubete com sete pastilhas de cloro para tratamento da água; um filtro de passagem de água para retenção de partículas e um medidor de cloro e pH, acompanhado de estojo e reagentes. A Seag também disponibiliza, em parceria com o Incaper e o Sebrae, um manual orientativo de como realizar a instalação.

“Os materiais para tratamento da água vão auxiliar os produtores a obterem água potável no meio rural para utilização na agroindústria, além da possibilidade de destinar ao consumo humano. Esta ação do Agrolegal auxilia a regularização dos empreendimentos e a produção de alimentos seguros”, afirmou o coordenador de agroindústria da Seag, Jackson Freitas.

A distribuição foi realizada com base no cadastro dos produtores no Agrolegal Ater Digital, dentro do contexto das ações do programa. Para a inscrição, os produtores devem ter empreendimentos individuais ou coletivos que atuam nos segmentos de agroindústria, empreendedorismo rural ou da pesca, estabelecidos no Estado do Espírito Santo, cujo faturamento anual seja inferior a R$ 4,8 milhões, conforme o edital.

Os interessados podem se inscrever pelo site: https://agrolegal.vitoria.ifes.edu.br/, selecionar na aba “Eventos” e, em seguida, no evento “SOLICITAÇÃO DE MATERIAIS PARA TRATAMENTO SIMPLIFICADO DA ÁGUA”.

Fonte: Seag

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

ES livre de febre aftosa sem vacinação: saiba os benefícios

Foto: Freepik O Espírito Santo está oficialmente livre da febre aftosa sem vacinação. ...

Lactalis distribui água em supermercados gaúchos

Foto: Carolina Jardine A Lactalis Brasil ganhou um novo apoio para distribuir água ...

Bahia dá início à colheita do algodão safra 2023/2024

Foto: Divulgação As máquinas em campo sinalizam o início da colheita do algodão ...

Família dá até mamadeira para cuidar de filhote de veado encontrado ferido

Foto e vídeo: Divulgação Texto: Julio Huber / Foto: Divulgação Um filhote de ...

Furtas e hortaliças sofrem aumento por conta das fortes chuvas no Rio Grande do Sul

Foto: André Oliveira / MDS A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) trouxe uma ...