Nater Coop testa tecnologia que promete aumentar produtividade de leite

A Nater Coop, maior cooperativa do agro capixaba, iniciou em outubro os testes de uma nova tecnologia de monitoramento bovino no condomínio leiteiro, localizado em Sooretama, Norte do Estado. Trata-se da instalação de coleiras nos animais, que auxiliam na obtenção de informações sobre o comportamento das vacas, com o objetivo de ganhos na produtividade.

De acordo com o gerente de assistência técnica e bovinocultura da Nater Coop, Filipe Ton Fialho, a tecnologia está sendo testada inicialmente em 250 animais. O sistema gera alertas 24 horas por dia, com informações de vacas em cio e melhor momento para inseminá-las, alertas precoces de saúde com a identificação de anomalias, alertas de vacinas, além de monitoramento nutricional, identificação de comportamentos que antecedem o parto, dentre outras informações.

Anúncio

“A coleira gera dados específicos de cada animal, auxiliando na tomada de decisão de forma mais assertiva e diminuindo as chances de erro. Com os dados conseguimos trabalhar preventivamente, evitando a perda de animais com a detecção precoce dos problemas”, explica Filipe.

Anúncio

Após o período de prova no condomínio leiteiro, que se estende por seis meses, os técnicos da cooperativa vão analisar a eficiência do sistema para replicar aos cooperados. Dentre os resultados esperados está o aumento da produtividade de leite, aumento do número de vacas prenhes, diminuição de doenças e de descarte de animais ao longo do tempo.

“Acreditamos que a tecnologia é uma grande aliada e a proposta é certificar sobre o potencial do sistema para replicar aos nossos produtores, levando aos cooperados um sistema que já foi testado por nós, e que tenha a garantia dos benefícios esperados. Estamos comprometidos com nossos cooperados em levar soluções que tragam redução de custos no trato com os animais, aliado ao aumento da produtividade”, ressalta Filipe.

A tecnologia de monitoramento via coleira está sendo empregada em parceria com a CowMed, uma empresa brasileira de soluções para a pecuária de precisão. Além do Espírito Santo, atualmente a empresa possuiu rebanhos monitorados nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Bahia.

Com 59 anos de atuação, a Cooperativa Agropecuária Centro Serrana (Nater Coop) conta com mais de 21 mil cooperados, mais de 1.300 colaboradores e se relaciona com cerca de 30 mil produtores rurais. A instituição tem lojas de produtos agropecuários em mais de 30 municípios do Espírito Santo e de Minas Gerais, além de rede própria de atendimento que inclui supermercado e postos de revenda de combustível.

Também fazem parte da Nater Coop as marcas Veneza (alimentos), Rações Coope (Nutrição Animal), Liva (ovos) e Pronova (café). A cooperativa, com sede em Santa Maria de Jetibá, é a maior do Espírito Santo na área do agronegócio (agricultura e pecuária) e já exporta para mais de 30 países.

Fonte: P6 Comunicação

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

Feira de Agronegócios Cooabriel 2024 acontecerá em julho

O evento é considerado o maior do agro no estado do Espírito Santo ...

Café canéfora tem zoneamento de risco climático atualizado

Foto: Humberto Franco O Zarc delimita regiões e épocas de cultivo em classes ...

Senar-ES quer fortalecer o agro em Santa Leopoldina

Contribuir para um cenário de crescente desenvolvimento da produção sustentável no Espírito Santo ...

Ales vai promover sessão em homenagem às mulheres cooperativistas

Foto: Freepik Reunião acontece na próxima semana. Pauta foi proposta pela Comissão Permanente ...

Brasil produziu quase 900 mil toneladas de peixes de cultivo

A piscicultura venceu adversidades e cresceu 3,1% Em 2023 O Brasil produziu 887.029 ...