Operação náutica apreende rede de pesca ilegal na baía de Vitória

A equipe de fiscalização da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam) fez uma operação náutica em conjunto com a Capitania dos Portos, na última sexta-feira (26), na Baía das Tartarugas e apreendeu uma rede de espera de aproximadamente 300 metros. A rede estava na Curva da Jurema

Segundo a gerente de fiscalização da Semmam, Priscila Ligia Alvarino, o infrator foi identificado e será autuado por fazer uso de uma rede ilegal. A ação conjunta ocorreu graças ao trabalho do Grupo de Combate à Pesca Ilegal (Gecopi), que faz fiscalização permanente nas baías do Espírito Santo e Vitória e nas unidades de conservação de Vitória.

O Gecopi é formado por Semmam, Capitania dos Portos, Guarda Municipal, Polícia Ambiental, Polícia Federal, Delegacia de Crimes Ambientais e Ibama.

PUNIÇÃO – Segundo a lei 9.077/17, quem for flagrado pescando com qualquer tipo de rede na Baía do Espírito Santo, na Baía de Vitória, na Estação Ecológica Ilha do Lameirão e na Área de Proteção Ambiental Baía das Tartarugas terá todo o material apreendido, pagará multas – que podem variar de R$ 700,00 a R$ 100 mil – e ainda responderá a processo por crime ambiental.

Fonte: PMV

Últimas notícias

Especialista diz que mercado financeiro precisa acompanhar crescimento do agronegócio

Um levantamento feito em 2021 pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil ...

Tema da Semana Internacional do Café 2021 é “retomar, reencontrar, reconectar”

Depois de uma edição 100% digital histórica em 2020, a Semana Internacional do ...

Especialistas irão falar sobre a onda de títulos verdes no Brasil

A nova onda de títulos verdes que se espalha pelo setor do agro ...

Programa de treinamento para mulheres em café é lançado no Espírito Santo

Começou, na última terça-feira (19), o primeiro curso do Programa de Treinamento em ...