Premiação distribui R$ 130 mil para os produtores dos melhores cafés do Espírito Santo

Fotos: Sidney Dalvi e Hélio Filho/Secom

Os melhores cafés especiais capixabas foram eleitos pelo Prêmio Cafés Especiais do Espírito Santo, nesta quarta-feira (02). A solenidade aconteceu no Centro Cultural e Turístico, em Venda Nova do Imigrante, com transmissão pelo canal do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), no YouTube. Com público restrito e cumprimento dos protocolos de prevenção ao novo coronavírus (Covid-19), a premiação teve a participação do governador do Estado, Renato Casagrande.

A premiação de R$ 110 mil foi destinada aos 1º, 2º e 3º lugares das categorias Conilon e Arábica. A premiação também contemplou o quesito sustentabilidade na produção de cafés especiais, com o total de R$ 20 mil divididos entre cafeicultores que conquistaram os 1º, 2º e 3º lugares em ambas categorias.

Na categoria Conilon, os vencedores foram, respectivamente de 1º a 3º colocados: Luiz Cláudio de Souza, de Muqui, com nota 86.4; Aurio Barbosa Quadra, de Alegre, com nota 84.83 e Antônio Cesar Landi, de Jerônimo Monteiro, com nota 83.5. Os campeões da categoria Arábica foram, respectivamente: Wiliam Dalvi Sartori, de Castelo, com nota 87.96; José Antônio Debona Romão, de Castelo, com nota 87.86 e Valdeir Mauro de Paula, de Brejetuba, com nota 87.84.

Os cafeicultores que apresentaram práticas sustentáveis na produção de cafés especiais também foram premiados em 1º, 2º e 3º lugares na categoria Sustentabilidade. Venceram respectivamente na categoria Conilon os cafeicultores Luiz Cláudio de Souza, de Muqui; Aurio Barbosa Quadra, de Alegre e Leandro Barbosa Quadro, também de Alegre. Os vencedores em sustentabilidade de Arábica foram Elzio Sartori, de Castelo; José Alexandre de Abreu Lacerda, de Dores do Rio Preto e Estevão Denizar de Abreu, de Marechal Floriano.

O Prêmio Cafés Especiais do Espírito Santo é o primeiro concurso promovido pelo Governo do Estado que contempla as variedades de cafés arábica e conilon, além do reconhecimento pelas práticas sustentáveis na produção. A iniciativa tem como objetivo reconhecer e premiar os melhores cafés especiais no Espírito Santo e incentivar a produção de grãos de qualidade.

O governador Renato Casagrande lembrou que os cafeicultores capixabas estão obtendo excelentes resultados em concursos nacionais e até internacionais de qualidade.

O diretor-presidente do Incaper, Antônio Machado, destacou o crescimento da cafeicultura capixaba na produção de cafés especiais. O consumo geral de café cresce cerca de 1,5% ao ano, enquanto o consumo de cafés de especiais cresce cerca de 15%.

A cafeicultura é a principal atividade do agronegócio capixaba, com 130 mil famílias envolvidas, de acordo com o secretário de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca, Paulo Foletto.

Mostra de café de qualidade

As 20 amostras finalistas de conilon e arábica, que totalizam 40 diferentes cafés, foram inseridas na Mostra Anual de Cafés Especiais do Espírito Santo, que acontece no mesmo dia da premiação. O objetivo é promover uma rodada de negócios entre cafeicultores e compradores.

“Satisfação muito grande com a realização de um prêmio inovador, com um conceito de geração de valor para além dos primeiros colocados, por meio da mostra anual e da rodada de negócios. Importante destacar que, com esse prêmio, o Espírito Santo se coloca com um dos poucos no país a premiar arábica e conilon”, acrescentou o subsecretário de Estado de Aquicultura, Pesca e Desenvolvimento Rural Sustentável, Michel Tesch Simon.

Fonte: Incaper

Últimas notícias

Produção de queijos é a segunda maior em agroindústrias do Espírito Santo

A produção de queijos está entre as modalidades mais lucrativas para a agricultura ...

Cooperativa cria moeda digital para troca de café por mercadorias

Empresa adotou o Dynamics para o gerenciamento do Coffee Coin, bem como para ...

Capixabas investem em negócios inusitados e conquistam mercado internacional

Criada pelo empreendedor André Scampini, a aguardente Cacahuatl já teve amostras enviadas para ...

Cafés especiais proporcionam experiências sensoriais aos consumidores

Os amantes de café sabem que a bebida pode ter inúmeros sabores e ...

Normas para produção integrada de folhosas entram em vigor em fevereiro

O objetivo é garantir segurança e qualidade desses alimentos a partir da aplicação ...