Produtores de leite voltam a discutir soluções para o setor

Foto: Freepik

Nesta terça-feira (31), aconteceu o II Encontro dos Produtores Brasileiros, no Salão Negro da Câmara dos Deputados, em Brasília. A reunião contou com a presença de deputados da Frente Parlamentar dos Produtores de Leite (FPPL), além de líderes e representantes da pecuária leiteira do país. Produtores cooperados e dirigentes do Sistema OCB fizeram parte da organização do evento. Os participantes ressaltaram a importância de unir forças para apoiar o setor e enfrentar os desafios que afetam as atividades de produção de lácteos. Representantes do Ministério da Agricultura (Mapa), do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e de outros órgãos do governo demonstraram apoio às reivindicações dos produtores.  

Anúncio

Vicente Nogueira, coordenador nacional da Câmara do Leite do Sistema OCB, destacou a relevância do setor de lácteos no Brasil e reforçou que a luta não busca favores. Para ele, os produtores de leite estão pleiteando respeito, solidez e constância. “Estamos aqui representando 1,1 milhão de produtores de leite e temos que exigir dignidade para construir, em conjunto, um setor leiteiro mais sólido. Temos uma bela trajetória de melhoria técnica e qualidade, mas precisamos de apoio e políticas estruturantes para crescer e consolidar a cadeia de produção”, afirmou.

Anúncio

A deputada Ana Paula Junqueira Leão (MG), presidente da FPPL e membro da Frente Parlamentar do Cooperativismo (Frencoop), ressaltou a necessidade de honrar os produtores de leite e combater as práticas de concorrência desleal que ocorrem no Mercosul.  Ela enfatizou que a união entre os produtores é fundamental para superar os obstáculos que o setor enfrenta no Brasil. “Essa mobilização deve ser permanente e unificada. A indústria leiteira precisa de um compromisso duradouro para enfrentar as adversidades e buscar soluções que garantam o desenvolvimento sustentável da cadeia”, disse.

Cássio Camargo, diretor técnico da Associação de Produtores de Leite (Abraleite), apontou que o Brasil é o quarto maior produtor de leite do mundo. Ele enalteceu o trabalho dos cooperados e ressaltou que juntos é possível alcançar resultados expressivos. “Sozinhos vamos mais rápido, mas juntos vamos mais longe. Quando agimos em conjunto, conseguimos aumentar nossa eficiência e  construir um futuro mais promissor para o setor no Brasil”, enfatizou.

Por sua vez, Jônadan Ma, presidente da Comissão Nacional de Pecuária do Leite, alertou sobre a importância de todos saírem do encontro com um pleito unificado e fortalecido. Ele pediu o fim das importações subsidiadas da Argentina, a criação do Plano Nacional da Dívida do Produtor de Leite do Brasil e a execução da compra de 2 milhões de reais em litros de leite por parte do Governo Federal. “Essas medidas são essenciais para preservar a cadeia leiteira nacional e assegurar o sustento de milhares de famílias que dependem dela para sua subsistência”.

A deputada Marussa Boldrin (GO), reforçou o compromisso de levar as demandas ao Executivo. “Estou aqui para apoiar os pleitos de todos os setores da agricultura e representar quem precisa. Sei da importância do leite para o sustento de muitas famílias. Não podemos ignorar o papel fundamental dos produtores no abastecimento do país e no desenvolvimento de suas comunidades”, declarou. 

Fonte: Sistema OCB

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

Praga inexistente no Brasil é identificada em fruta que vinha dos Estados Unidos

Uma carga com 576 quilos de pêssegos importados dos Estados Unidos foi barrada ...

Salmonella gera impacto na avicultura e preocupa produtores

Foto: Envato O impacto das salmoneloses assusta os produtores pela sua contaminação. A ...

Produção industrial cresce 6,2% no Espírito Santo

Foto: Freepik Os resultados positivos da indústria capixaba continuam impulsionando a economia do ...

Mato Grosso recebe roadshow para comunicadores do agro

Cada vez mais a realização de roadshows tê sido uma iniciativa marcante no ...

Cooperativismo marca presença na estreia do programa Negócio Rural

Novo formato é apresentado pelo jornalista Bruno Faustino, que irá contar histórias do ...