Programa Produtor Informado oferece curso da Microsoft sobre Inteligência Artificial a cafeicultores

O “fluêncIA”, curso sobre Inteligência Artificial (IA) Generativa da Microsoft, acaba de ser disponibilizado pelo Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé) aos alunos da plataforma de ensino à distância (EAD) do programa Produtor Informado. O objetivo da trilha de aprendizagem é qualificar pessoas para que possam utilizar a IA em seu dia a dia, aproveitar a capacidade dessa tecnologia na produtividade e potenciar a inovação em seus negócios.

“A inclusão do curso sobre IA é mais uma ação que realizamos em prol da inclusão digital de produtores e comunidades cafeeiras em tecnologia e informática, por meio de uma colaboração com a Microsoft, no nosso programa Produtor Informado. Seguimos ampliando o leque de materiais educativos aos produtores para que otimizem a gestão de seu negócio e ampliem as práticas sustentáveis na atividade, qualificando, cada vez mais, seus cafés para atenderem aos mais exigentes mercados globais”, comenta Silvia Pizzol, gestora de Responsabilidade Social e Sustentabilidade (RSS) do Cecafé.

Anúncio

O curso “fluêncIA”, da Microsoft, disponibilizado no Produtor Informado, é composto pelos módulos A história da IA; Inteligência Artificial Generativa; A evolução das buscas on-line; Como ser mais produtivo usando o Bing Chat; Ética em IA; e Como usar o Microsoft Copilot. Os conteúdos foram gravados apenas por especialistas mulheres da Microsoft, que atuam nas áreas de inteligência de dados, IA, nuvem e vendas. O objetivo é reforçar que não há distinção de gênero para carreiras de tecnologia, nas quais as mulheres são minoria.

Anúncio

“A Microsoft tem um amplo compromisso de democratizar o uso da tecnologia e essa iniciativa nos permite atingir ainda mais públicos. Em nossa colaboração com o Cecafé, unimos esforços para capacitar os produtores em uma tecnologia emergente que está transformando diversos setores da sociedade e oferece a eles novos recursos para aplicarem na resolução de desafios em seus negócios”, explica Lucia Rodrigues, líder de Filantropia da Microsoft Brasil.

Além da inclusão digital de produtores e comunidades cafeeiras em tecnologia e informática, por meio do trabalho com a Microsoft, a plataforma EAD do Produtor Informado do Cecafé também oferece capacitação em sustentabilidade no campo, através de cooperação com a Plataforma Global do Café Brasil (GCP). A ferramenta e-learning é totalmente gratuita e voltada a produtores de café, trabalhadores rurais, agrônomos, técnicos de campo, profissionais de sustentabilidade, consultores, estudantes e público em geral.

COMO ACESSAR – Os cursos da Plataforma EAD do Produtor Informado podem ser acessados diretamente pelo aluno de forma individual, em celulares, tablets e computadores, assim como por técnicos de empresas exportadoras, cooperativas e outras instituições do setor, que podem organizar turmas de produtores para a realização dos cursos. A plataforma oferece ferramentas de acompanhamento e performance dos grupos como suporte para esses técnicos. As duas modalidades visam ampliar o acesso a conteúdo especializado sobre sustentabilidade na cadeia produtiva do café de todo o Brasil.

Quem acessa a Plataforma também encontra vários conteúdos extras à disposição, como cartilhas e planilhas básicas. Quando completados, todos os cursos dão direito a certificado. Para acessar, o interessado deve ser vinculado a uma instituição parceira (confira aqui) do Programa Produtor Informado e preencher um cadastro, fornecendo informações como nome, CPF, e-mail e região da propriedade.

PRODUTOR INFORMADO – Criado em 2006 pelo Cecafé, com foco na inclusão digital de produtores, o Produtor Informado era amparado em aulas presenciais, ministradas aos cafeicultores em laboratórios de informática construídos nas zonas rurais.

Em 2015, a partir de parceria com a GCP, houve a inserção de novos conteúdos no curso, com destaque para práticas agrícolas sustentáveis, gestão social e ambiental. Com esse modelo mais recente, o Produtor informado capacitou cerca de 7 mil profissionais, de mais de 130 cidades, em seis estados brasileiros.

Nessa nova fase, em 2024, o programa ganha o formato de plataforma EAD, que é uma maneira de manter o legado do Produtor Informado, ampliar a disseminação de conhecimentos na cadeia produtiva do café e expandir o acesso à informação para milhares de produtores e profissionais do setor.

SERVIÇO

Plataforma EAD Produtor informado

  • Cursos: sustentabilidade, tecnologia e informática
  • Acesso: gratuito e on-line
  • Inscrições: https://produtorinformado-ead.com.br/login
  • Formação: módulos de Sustentabilidade (manejo e tecnologia aplicados à produção de café); Tecnologia e Informática (níveis básico ao avançado e Inteligência Artificial)

Fonte: Cecafé

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

Estudo procura ferramentas para ajudar cafeicultores do ES no combate à ferrugem

Foto: Acervo da Pesquisa Uma pesquisa da Ufes está criando um sistema para ...

Dois novos cursos de doutorado aprovados na Ufes em Alegre e Maruípe

A Capes aprovou dois novos cursos de doutorado na Ufes, um em Nutrição ...

Exportações do agro do Espírito Santo crescem 83% no primeiro semestre de 2024

Foto: Freepik Nos primeiros cinco meses de 2024, o agronegócio do Espírito Santo ...

Casos suspeitos de doença de Newcastle na zona de proteção são descartados no Rio Grande do Sul

Foto: Freepik Três casos suspeitos de doença de Newcastle (DNC) foram descartados após ...

Feira de Agronegócios Cooabriel tem projeção milionária de negócios

Foto: Cooabriel A Feira de Agronegócios da Cooabriel, realizada pela cooperativa e considerada ...