Projeto leva ciência e tecnologia para o desenvolvimento da fruticultura no norte do ES

Foto: Freepik

A Ufes está implementando um projeto de extensão em 26 municípios do norte do Espírito Santo para instalação de Unidades de Referência Tecnológica (URTs), visando dar assistência técnica e científica em fruticultura.

Anúncio

O projeto conta com a parceria do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa); da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa); dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Ifes) de Barra de São Francisco, Montanha e Itapina; das prefeituras locais e outros órgãos estaduais.

Anúncio

Intitulado Implantação e Desenvolvimento da Fruticultura na Região Norte do Espírito Santo, o projeto de extensão é vinculado ao Centro de Ciências Agrárias e Engenharias (CCAE) da Ufes, do campus de Alegre. O professor do Departamento de Agronomia do CCAE Moises Zucoloto, coordenador do trabalho, conta que esse projeto é similar ao desenvolvido na região do Caparaó, porém com maior número de municípios envolvidos. Lá, onze cidades foram contempladas.

“No Caparaó as URTs instaladas já estão em pleno crescimento e produção. Estão servindo como vitrines para produtores, técnicos, estudantes e pesquisadores da região, ensinando-os a produzir frutos em quantidade e qualidade. Agora vamos expandir a experiência”, afirma o professor.

MUNICÍPIOS – Serão beneficiados na microrregião Centro-Oeste os municípios de Alto Rio Novo, Baixo Guandu, Colatina, Pancas, Governador Lindenberg, Marilândia, São Domingos do Norte, São Gabriel da Palha, São Roque do Canaã e Vila Valério; na microrregião Nordeste Jaguaré, São Mateus, Conceição da Barra, Pedro Canário, Boa Esperança, Pinheiros, Montanha, Ponto Belo e Mucurici; e na microrregião Noroeste Águia Branca, Mantenópolis, Nova Venécia, Ecoporanga, Barra de São Francisco, Vila Pavão e Água Doce do Norte.

Em cada município serão contemplados dois produtores rurais, totalizando 52. O projeto também prevê melhoria da infraestrutura dos locais estratégicos, denominados núcleos – o Centro Universitário Norte do Espírito Santo (Ceunes/Ufes) e sedes do Ifes em Barra de São Francisco, Montanha e Itapina –, para a capacitação dos envolvidos. O investimento total será de R$ 4 milhões por parte do Mapa.

Fonte: Ufes

Anúncio

Anúncio

Últimas notícias

Campeonato Brasileiro de Blends de Café será realizado no São Paulo Coffee Festival

Foto: Freepik A Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC) realizará a etapa ...

Equipes coletam dados para nova pesquisa da Conab da safra brasileira de grãos

Foto: iStock Farmer handful of harvested corn kernels from the heap loaded into ...

Comidas típicas da festa junina contam com 36% de impostos no preço final

Foto: Julio Huber A chegada das festas juninas costuma ser motivo de alegria ...

Capixaba é eleito o melhor criador e expositor na Megaleite 2024 na categoria CCG 1/2 Hol + 1/2 Gir

Encerrada a 19ª edição da Megaleite no último sábado (15), a Associação Brasileira ...

Equipamento promete secagem de cafés especiais em menos de 24 horas

Tecnologia desenvolvida pela Dryeration, foi testada e aprovada por produtores da Alta Mogiana ...