Reuniões servirão para atualizar Mapa do Turismo Brasileiro com 54 municípios capixabas

Com o objetivo de orientar sobre a atualização do Mapa do Turismo Brasileiro, a Secretaria de Turismo (Setur) realiza, amanhã (12) e na sexta-feira (14), reuniões on-line com gestores municipais de turismo e representantes das Instâncias de Governança Regionais de Turismo (IGRTs), respectivamente. Os encontros são coordenados pela Gerência de Gestão de Turismo (Gestur). O Espírito Santo conta com 10 as regiões turísticas, que integram 54 municípios.


A atualização tem como base legal a Portaria Setur Nº 15-R, de 21 de dezembro de 2021 e a Portaria Setur Nº 01-R, de 06 de janeiro de 2022, que tratam da atualização do Mapa do Turismo – Versão Espírito Santo, além das portarias federais.

O envio de informações para atualização do Mapa do Turismo poderá ser feito entre os dias 15 de janeiro a 13 de fevereiro de 2022 e a previsão de lançamento do novo Mapa do Turismo Brasileiro é dia 16 de março deste ano. Todas as informações estão disponíveis em: https://setur.es.gov.br/mapa-do-turismo.

“A participação dos gestores, neste momento, é fundamental para que as informações sejam unificadas e, dentro dos prazos legais, a atualização aconteça”, destaca a secretária de Estado de Turismo, Lenise Loureiro, enfatizando que desde o ano passado a equipe da Setur vem orientando sobre a necessidade de organização local para que neste período o processo ocorra de forma mais rápida.

Um dos focos do diálogo com gestores municipais e representantes das IGRTs é que este ano a atualização será feita pelos municípios e regiões direto no Sistema de Informações do Mapa do Turismo Brasileiro (SISMapa), disponível em: www.sistema.mapa.turismo.gov.br.

Requisitos

Para integrar o Mapa do Turismo, o município precisa apresentar a Lei de criação do órgão ou entidade municipal responsável pela pasta de turismo e nomeação do dirigente; a Lei Orçamentária Anual e Quadro de Detalhamento de Despesas vigentes, com dotação orçamentária específica para o turismo; ter, no mínimo, três prestadores de serviços turísticos em situação regular no Sistema de Cadastro dos Prestadores de Serviços Turísticos – CADASTUR, sendo pelo menos um de caráter obrigatório e apresentar Lei de criação do Conselho Municipal de Turismo, decreto de nomeação dos conselheiros, ata de posse da atual diretoria e ata de duas reuniões realizadas nos últimos 12 meses.

Nos casos em que o Conselho Municipal de Turismo tiver sido instituído no mês da realização do cadastro no sistema eletrônico do Mapa do Turismo Brasileiro, é facultada a apresentação das atas das duas últimas reuniões realizadas.

Instâncias de Governança

Assim como os municípios, a atualização também deve ser feita pelas 10 Instâncias de Governanças Regionais de Turismo, certificadas ou não.  No mesmo sistema utilizado pelos municípios, as regiões deverão comprovar a existência de uma Instância de Governança Regional de Turismo por meio de ata da reunião de sua instituição; definir e indicar sua composição apenas por munícipios limítrofes ou próximos e que tenham características similares ou complementares e apresentar termos de compromisso com os objetivos do Programa de Regionalização do Turismo.

Já os municípios que demonstrarem interesse em migrar de região turística, a Instância de Governança Regional de Turismo receptora será responsável pela deliberação por meio de assembleia.

Agenda

Orientações sobre a Atualização do Mapa do Turismo:

Municípios

Instâncias de Governanças Regionais de Turismo:

Informações

Gerência de Gestão do Turismo pelos telefones: (27) 3636-8010 ou (27) 3636-8027 e pelo e mail: [email protected]

Fonte: Setur

Últimas notícias

Incaper lança revista sobre Indicações Geográficas e Certificação na Agropecuária Capixaba

O Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) lançou a ...

Açúcar: demanda fraca pressiona cotação do cristal

Os preços do açúcar cristal recuaram no mercado paulista, enquanto as negociações estiveram ...

Brasil bate recorde histórico em exportação de frutas em 2021

A demanda internacional aquecida, o clima favorável para a produtividade, a qualidade dos ...

Café solúvel quebra de recordes em 2021 e exporta para 98 países

Em mais um ano marcado pelo agravamento da pandemia mundial da Covid-19, que ...

Produtores rurais afetados pela alta temperatura e estiagem recebem orientação em SP

A Federação de Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (FAESP) está ...