Sicoob ES tem receita de R$ 202 milhões e dobra o número de associados em 5 anos

Nailson Dalla Bernadina, diretor-executivo do Sicoob ES, apresentou os resultados da instituição em 2019 e os planos para 2020.  Foto: Joacir Azeredo

Em 2019, o Sicoob ES gerou uma receita de serviços de R$ 202,8 milhões, avanço de 35,6%, o maior crescimento entre todos os indicadores avaliados. No final de 2018, a receita do segmento estava em R$ 149,5 milhões.

Para o presidente do Sicoob ES, Bento Venturim, o indicador cresceu devido ao aumento da busca por produtos como seguros, consórcios e serviços de cobrança pelos associados.

“Os nossos números refletem uma atuação comprometida com o crescimento em conjunto e com a busca por soluções mais vantajosas para os associados”, ressalta.

A instituição aumentou também o número de associados. Foram 52,3 mil novas adesões que fizeram a cooperativa chegar a 336,2 mil associados no fechamento de 2019, um aumento de 18,6% quando comparado ao quadro social de 2018.

“Nos últimos cinco anos, o quadro de associados dobrou de tamanho. Esse dado concretiza o reconhecimento crescente da sociedade por uma opção melhor em comparação com outras instituições financeiras”, afirma Bento.

Os ativos alcançaram R$ 7,6 bilhões, ante R$ 6,9 bilhões no exercício anterior, um crescimento de 8,6%. O patrimônio líquido avançou 15%, fechando o ano em R$ 1,9 bilhão.

A poupança passou para R$ 893,7 milhões, uma elevação de R$ 150,1 milhões (+20,2%) em relação ao resultado de 2018. Os depósitos alcançaram R$ 4,5 bilhões, com avanço de 10,2% em um ano.

O Índice de Eficiência Administrativa (IEA) do Sicoob ES no final de 2019 foi de 38,55%, o que significa que, a cada R$ 100 de receita, o Sicoob gastou R$ 38,55 com custos administrativos.

A instituição encerrou o exercício 2019 com R$ 327 milhões de sobras brutas, que equivalem ao lucro da instituição financeira cooperativa. O valor foi 7% maior do que o do exercício anterior.

Desse total, R$ 157,8 milhões serão distribuídos aos associados, sendo R$ 55 milhões referentes ao pagamento dos juros sobre o capital social, que foi realizado em 31 de dezembro último.

Os outros R$ 102,1 milhões serão colocados à disposição dos sócios nas assembleias de prestação de contas, realizadas até 29 de abril. Os encontros têm a expectativa de reunir mais de 60 mil pessoas em todas as regiões de atuação da instituição.

O restante é destinado ao Fundo de Reserva e ao Fundo de Assistência Técnica, Educacional e Social (Fates).

Em 2019, o Sicoob ES liberou R$ 7,2 bilhões em crédito, aumento de 8% em relação ao ano anterior.

O diretor executivo do Sicoob ES, Nailson Dalla Bernadina, ressaltou que o apoio da instituição aos seus associados foi vital para o desenvolvimento de negócios locais e para o fomento da economia regional.

As carteiras de crédito rural e comercial, somadas, fecharam o ano em R$ 4,6 bilhões, com elevação de 13% na comparação com 2018. A inadimplência se manteve dentro da expectativa projetada e próxima dos índices de mercado, registrando 3,84% ao final do exercício.

Em nível estadual, a instituição financeira cooperativa detém cerca de 14% do volume de depósitos e cerca de 13% do total da carteira de crédito, segundo dados do Banco Central.

Enquanto as instituições financeiras convencionais reduziram o volume de pontos de atendimento e de emprego, o Sicoob ES elevou em 15% a sua equipe de trabalho, contando com 1.696 funcionários no fechamento do exercício.

O plano de expansão do Sicoob ES inclui a abertura de novas agências no Espírito Santo, no Rio de Janeiro e na Bahia. A instituição apresentou ao Sicoob Confederação e ao Banco Central estudos para ampliação da sua área de atuação.

No Estado, Cariacica, Vila Velha, Vitória, Serra, Mantenópolis e Domingos Martins devem receber novos pontos de atendimento até o final de 2020, assim como as cidades fluminenses de Petrópolis, Rio Bonito, Três Rios, Nova Friburgo e Vassouras.

Bento Venturim destaca que o constante investimento em tecnologia da informação, com o objetivo de facilitar a experiência dos associados com a cooperativa, é complementado pela proximidade propiciada pelos pontos de atendimento.

No ano passado, foram inauguradas agências na Serra, Linhares, Vila Velha e Vitória, aqui no Estado. No Rio de Janeiro, a instituição abriu novos pontos de atendimento para Campos dos Goytacazes, Macaé, Araruama, Maricá, São Pedro da Aldeia, Saquarema, Teresópolis, Barra do Piraí e Valença. Na Bahia, a cidade de Ilhéus recebeu a primeira unidade do Sicoob ES.

Ao todo, foram abertas 15 novas agências em 2019.

Últimas notícias

Tradição familiar no agronegócio em evidência na Praça do Papa

A tradição familiar marca o agronegócio capixaba, que, segundo dados do Governo do ...

Ação de fiscalização do Mapa apreende 173 mil litros de bebidas com indícios de fraude

Uma ação de fiscalização do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) resultou ...

Mapa reforça vigilância após ocorrências de Peste Suína Africana na República Dominicana

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) informa que está acompanhando e ...

Cooperação alemã investe U$ 2 milhões em projeto de apoio ao Comércio Justo na América Latina e Caribe

Mais de 84 mil produtores(as) da região da América Latina e do Caribe ...

Agricultura familiar recebe investimentos no Espírito Santo

Para comemorar a Semana da Agricultura Familiar, o Governo do Estado anunciou um ...