Sistema OCB lança cartilha sobre contratações de cooperativas pelo Poder Público

Com o objetivo de disponibilizar informações à Administração Pública sobre a participação de cooperativas em processos licitatórios, o Sistema OCB elaborou uma cartilha destinada aos gestores públicos com orientações sobre a contratação de coops por órgãos governamentais para a realizar a prestação de serviços e venda de produtos. 

CLIQUE AQUI para acessar. 

O material foi construído pelo Grupo Jurídico de Cooperativas em Licitações da Unidade Nacional e faz parte do cronograma dos trabalhos que estão sendo desenvolvidos pelo grupo, cujas atividades foram retomadas em 2020. A entrega da publicação também representa uma das várias iniciativas que compõem o Plano de Ação Nacional que vêm sendo executado no âmbito dos Três Poderes, em prol da temática da participação de cooperativas em licitações públicas.

O material traz uma série de informações sobre o movimento cooperativista, como seus pilares, sua história e características diferenciadoras desse modelo de negócio. O objetivo é esvaziar as preocupações desses gestores com relação à contratação de cooperativas em todas as esferas (municipal, estadual e federal). 

O superintendente do Sistema OCB/ES, Carlos André Santos de Oliveira, elogiou a iniciativa e destacou a importância do tema. “O movimento cooperativista possui uma linda história e vem contribuindo diretamente para promover o desenvolvimento econômico e social das comunidades onde estão instaladas. No nosso estado, elas entregam produtos e serviços de máxima qualidade e possuem uma atuação responsável e profissional, não havendo motivo para serem desconsideradas nessas disputas”, explica. 

ANEXO SOBRE A REALIDADE ESTADUAL – Além do material completo elaborado pelo Sistema OCB nacional, as cooperativas capixabas contam também com um anexo preparado pela Unidade Estadual. O trecho destaca o papel da OCB como representante do cooperativismo, a relevância desse modelo de negócio para o cenário econômico capixaba e como o estado se posiciona juridicamente sobre o tema. 

De acordo com a assessora jurídica do Sistema OCB/ES Juliana Linhares Tose, abordar esse assunto é extremamente fundamental porque muitos gestores desconhecem o modelo societário cooperativista. “Por esse motivo, a cartilha é importante para demonstrar à Administração Pública que, quando ela garante a participação das cooperativas nos processos licitatórios, está obedecendo à lei, isso se tratando de cooperativas regulares, como as que estão registradas no Sistema OCB. O Poder Público deve certificar em seus editais que essas cooperativas atendam aos requisitos legais”, pontua. 

O também assessor jurídico do Sistema OCB/ES Arlan Taufner destaca que a instituição propiciou, ainda em 2006, a criação de uma política pública estadual de incentivo ao cooperativismo. “Essa política pode servir de fonte de direito e diretriz legal. Entretanto, ainda é desconhecida por muitos profissionais de licitações. Assim, partindo de uma necessidade de clarificar esse assunto, a intenção com o anexo é esclarecermos que além de todo respaldo na legislação federal, as compras públicas no âmbito do Estado do Espírito Santo contam com mais esse respaldo adicional”, completa. 

Fonte: Sistema OCB/ES 

Últimas notícias

Lançamento da Ruraltures será nesta quinta-feira (07) em Venda Nova do Imigrante

Foto: Gabriel Lordello/Mosaico Imagem O Montanhas Capixabas Convention & Visitors Bureau promoverá, amanhã ...

Sistema Cantareira opera em estado de alerta

Os últimos dias acenderam um alerta para o nível dos reservatórios que abastecem ...

Jovens agricultores participam de curso sobre formação de lideranças

Um dos pilares da Coordenadora Latino-americana e do Caribe de Pequenos Produtores e ...

Revista Negócio Rural vence prêmio de jornalismo de Pernambuco

O cooperativismo conecta pessoas e também histórias. Que similaridade poderia haver entre as ...

Serenata Italiana será no próximo sábado (09) em Venda Nova do Imigrante

Relembrar os costumes dos primeiros imigrantes italianos que chegaram em Venda Nova do ...