Três homens são presos acusados de roubarem produtores rurais capixabas

A equipe da Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Nova Venécia, em operação conjunta com a Polícia Militar do Espírito Santo (PMES), prendeu, durante o dia de ontem (13), três homens suspeitos de fazerem parte de uma associação criminosa especializada em roubar produtores rurais nos municípios de Nova Venécia, Boa Esperança, Alto Rio Novo e Vila Pavão.

Os mandados de busca e apreensão e de prisão foram cumpridos nos municípios de Nova Venécia, Boa Esperança, Vila Pavão, Ibiraçu e Aracruz e, além das prisões, resultaram na apreensão de cinco armas de fogo. A operação é resultado de uma investigação da Deic de Nova Venécia, iniciada em dezembro do ano passado, quando a Delegacia tomou conhecimento de um grupo extremamente violento, cometendo roubos na zona rural.

Continua após o anúncio

“Segundo os relatos das vítimas, os criminosos chegavam em grupos de seis ou sete, todos mascarados, amarravam as famílias em algum cômodo da casa da propriedade rural e levavam vários objetos. Nossas investigações apontam que os crimes eram planejados com antecedência”, relatou o titular da Deic de Nova Venécia, delegado Marcelo Cruz.

Segundo os levantamentos, os suspeitos com idades entre 25 e 40 anos, conseguiam trabalhos nas lavouras de café e, dessa forma, conseguiam observar a rotina das famílias. Pelo menos quatro famílias foram vítimas do grupo.

Desde o início das investigações, seis suspeitos foram presos. Três indivíduos foram presos em flagrante no dia 28 de março, após cometerem um roubo em Alto Rio Novo. O mesmo grupo é investigado por cometer outro crime, um dia antes da prisão, em Nova Venécia.

Outros dois suspeitos, ambos com mandados de prisão em aberto, foram presos nas diligências dessa quarta-feira. Um dos investigados foi localizado em Aracruz e o outro na zona rural de Ibiraçu, trabalhando em um sítio, na colheita de café e usando nome falso.

Outro indivíduo de 47 anos foi preso em flagrante durante o cumprimento de mandado de busca e apreensão na residência dele, na localidade de Córrego do Carneiro, na zona rural de Vila Pavão. No quarto do investigado, os policiais encontraram duas armas artesanais de cano longo, dois revólveres Taurus calibres 22 e 38 e uma espingarda de dois canos e vasta quantidade de munição.

O homem foi autuado em flagrante pelo crime de posse ilegal de arma de fogo. Ele não tinha mandado de prisão, mas é investigado por fornecer as armas usadas nos roubos.

Em outro imóvel alvo de busca e apreensão, em Nova Venécia, os policiais acabaram encontrando um homem com mandado de prisão em aberto por roubo, que não é investigado neste Inquérito. Os detidos foram encaminhados ao sistema prisional. As investigações seguem em andamento.

Fonte: Polícia Civil

Últimas notícias

Até quando vai o frio?

De acordo com a Climatempo, a posição da massa de ar polar ainda ...

Exportações do agronegócio em abril alcançam recorde para o mês

As exportações do agronegócio brasileiro em abril totalizaram US$ 14,86 bilhões, valor recorde ...

Crimes ambientais são flagrados e embargados em Marechal Floriano

Uma nova fase da “Operação Curupira”, que visa coibir crimes ambientais no Espírito ...

Campanha promove alimentos orgânicos em todo o Brasil

A campanha visa estimular o conhecimento e o consumo de produtos orgânicos O ...

História do cooperativismo cafeeiro capixaba é destaque na biblioteca do Incaper

A biblioteca do Incaper serviu como base para revisões bibliográficas, fontes de dados ...