Áreas de desmatamento são embargadas no Sul do Espírito Santo

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) e a Polícia Militar Ambiental identificaram, em uma ação conjunta, o desmatamento irregular de cerca de 3,3 hectares de vegetação nativa em três propriedades localizadas em Couro dos Monos, Zona Rural de Rio Novo do Sul.

Na ação, foram lavrados seis autos de infração por desmatamento em área de reserva legal e de preservação permanente, supressão de sub-bosque e desrespeito ao embargo.

De acordo com o gerente local do Idaf de Rio Novo do Sul, Robson Contaefer Moreli, o Idaf identificou que um dos proprietários contratou equipamento de grande porte para desmatar uma área de reserva legal, o que é agravante.

“Foram detectadas infrações graves. Todos os proprietários foram multados e as áreas embargadas para recuperação da vegetação”, conta Moreli. O Idaf recebe denúncias por meio do Disque-Denúncia 181, que pode ser realizada de forma anônima.

Texto: Rafaely Lyra/Idaf

Últimas notícias

Semana quente e com pouca chuva em MG, RJ e ES

Para os próximos dias, ainda não há expectativa de grandes mudanças para os ...

Oito novas espécies de insetos são descobertas no Espírito Santo

Oito novas espécies de insetos foram descobertas na região norte do Espírito Santo. Os ...

Quebra de safra preocupa cafeicultores

Minas Gerais pode colher uma safra de café até 43% menor este ano. ...

Exportações de suco de laranja recuam 23,5% no segundo semestre de 2020

Os embarques totais de suco de laranja brasileiro (FCOJ Equivalente a 66º Brix), ...

Femagri e Feira do Cerrado 2021 serão realizadas 100% online

A pandemia da Covid-19 ainda está trazendo muitos desafios, como o isolamento e ...