Áreas de desmatamento são embargadas no Sul do Espírito Santo

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) e a Polícia Militar Ambiental identificaram, em uma ação conjunta, o desmatamento irregular de cerca de 3,3 hectares de vegetação nativa em três propriedades localizadas em Couro dos Monos, Zona Rural de Rio Novo do Sul.

Na ação, foram lavrados seis autos de infração por desmatamento em área de reserva legal e de preservação permanente, supressão de sub-bosque e desrespeito ao embargo.

De acordo com o gerente local do Idaf de Rio Novo do Sul, Robson Contaefer Moreli, o Idaf identificou que um dos proprietários contratou equipamento de grande porte para desmatar uma área de reserva legal, o que é agravante.

“Foram detectadas infrações graves. Todos os proprietários foram multados e as áreas embargadas para recuperação da vegetação”, conta Moreli. O Idaf recebe denúncias por meio do Disque-Denúncia 181, que pode ser realizada de forma anônima.

Texto: Rafaely Lyra/Idaf

Últimas notícias

Países produtores mundiais de café se reúnem em defesa da produção contra restrições da União Europeia

Os produtores mundiais de café estão preocupados com a proposta de legislação apresentada ...

Recursos do Pronaf no Plano Safra irão aumentar em 12%

Foto: Divulgação/MAPA Em virtude da forte demanda por financiamentos de custeio no Pronaf, ...

Conab estima safra recorde para milho 2ª safra com produção superior a 87 milhões de toneladas

Foto: iStock Os produtores de milho deverão colher na segunda safra do cereal ...

Café regenerativo do Cerrado será lançado no próximo sábado em Minas Gerais

Foto: Guima Café O Guima Café, marca de café especial do Grupo BMG, ...

Festuris Gramado terá participação da Argentina

Foto: Divulgação/Festuris Com o retorno frenético do mercado turístico, as viagens, inclusive internacionais, ...