Aterro e desmate em vegetação nativa em área de preservação em Cachoeiro

Policiais militares da 4ª Companhia do Batalhão de Polícia Militar Ambiental -BPMA constataram um desmate em vegetação nativa brasileira e aterro, ambos em área de preservação permanente, segundo o Código Florestal. A ação ocorreu o bairro São Francisco em Cachoeiro de Itapemirim, próximo a uma área com remanescente florestal.

Os militares mensuraram um total de aproximadamente  0,1hectare (1000 metros quadrados) de área desmatada em estágio inicial de regeneração, além de aterro e manilhamento de aproximadamente 60 metros lineares no curso d’água. 

Diligências foram realizadas com intuito de localizar o proprietário/responsável, visto que no ato fiscalizatório não haviam quaisquer pessoas no local, restaram infrutíferas.

Em seguida, foi realizado contato com agentes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente/Cachoeiro de Itapemirim que, após verificação em sistema próprio, não localizou licença ambiental para a ação realizada.

Desse modo, por haver indícios de infração penal e materialidade delitiva, os policiais militares confeccionaram boletim unificado protocolaram na Delegacia de Polícia Judiciária (DPJ) desta cidade.

Fonte: Polícia Militar

Últimas notícias

Pecuária de leite vive incertezas com o futuro da pandemia

A reunião de conjuntura de novembro do Centro de Inteligência do Leite da ...

Valor de mercado de defensivos aplicados deverá cair 11,8% em 2020

O mercado de defensivos agrícolas deve ter redução de 11,8% no valor em ...

Programa de aprendizagem rural é homenageado pelo Instituto Innovare

Fotos: Junio Nunes O Programa de Aprendizagem Profissional Rural foi homenageado na 17ª ...

Novo surto de gafanhotos é monitorado por governo do Rio Grande do Sul

Foto: Senasa Julio Huber Um novo surto de gafanhotos identificado pelo Serviço Nacional ...

Prêmio Excelência de Qualidade Realcafé Reserva anuncia os finalistas

O Prêmio Excelência de Qualidade Realcafé Reserva já tem os 20 finalistas da ...