Ceasa doa mais de 80 mil quilos de alimentos ao programa Mesa Brasil nos últimos três meses

Ações solidárias têm acontecido em todo o Espírito Santo durante o período de distanciamento social em função da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Neste sentido, as Centrais de Abastecimento do Espírito Santo (Ceasa-ES) em parceria com o programa social “Mesa Brasil”, do Serviço Social do Comércio (Sesc), promoveu a doação de 80.997 quilos de alimentos para 140 instituições sociais capixabas nos últimos três meses.

Os alimentos arrecadados são oriundos de doações de produtores rurais e fornecedores que comercializam no entreposto de Cariacica e empresas do ramo alimentício. Os produtos são transportados para o galpão de armazenagem do programa, onde são avaliados, contabilizados e distribuídos, de acordo com o público e a necessidade de cada entidade social.

A coordenadora do programa no Estado, Vanessa Baptista Massini, conta que, em tempos de pandemia, o Mesa Brasil tem intensificado suas ações para o enfrentamento da situação de fome e insegurança alimentar e nutricional que tem se agravado devido à crise econômica.

“Diante desse cenário de paralisação de diversas atividades, o Mesa Brasil continua e permanece atuando frente aos desafios de ampliar a arrecadação de alimentos e complementar a refeição de famílias que tiveram sua situação financeira agravada pela pandemia, com vistas a minimizar os efeitos da fome e da insegurança alimentar e nutricional que assola os mais necessitados”, explicou.

Sobre a importância do programa para a Ceasa-ES, o diretor-presidente das Centrais de Abastecimento, Guilherme Gomes de Souza, ressalta que a parceria é um dos pilares do papel social que o entreposto vem desenvolvendo para sociedade capixaba. 

“Estamos em um período delicado, em que muitas famílias precisam de ajuda para se alimentar e é um orgulho para nós que a Ceasa, em parceria com o Programa Mesa Brasil, pôde contribuir com as 140 instituições capixabas que o programa atende. Sem dúvidas essa parceria é um sucesso muito importante para a Ceasa, que além de contribuir para economia capixaba, também exerce um papel social no Espírito Santo”, afirmou Guilherme Gomes de Souza.

Arrecadação de doações pelo Mesa Brasil na Ceasa-ES

  • Março: 35.022,20 quilos 
  • Abril: 29.221,80 quilos 
  • Maio: 6.753,50 quilos 

MESA BRASIL SESC – O Programa Mesa Brasil Sesc consiste em uma rede nacional de bancos de alimentos contra a fome e o desperdício. Seu objetivo é contribuir para a promoção da cidadania e a melhoria da qualidade de vida de pessoas em situação de pobreza, em uma perspectiva de inclusão social. Todas as doações recebidas são repassadas para as entidades que já possuem o cadastro no Mesa Brasil Sesc.

Esses alimentos e demais produtos doados estão chegando a centenas de famílias em toda Grande Vitória e alguns municípios do interior. O Mesa Brasil Sesc Espírito Santo, nos últimos 16 anos, tem arduamente desenvolvido um trabalho com seriedade e transparência, especialmente nas prestações de contas feitas cotidianamente.

Em média, 140 instituições sociais são atendidas mensalmente. As doações arrecadadas dos parceiros no entreposto da Ceasa-ES contribuem e muito com a superação da insegurança alimentar e nutricional dessas pessoas em situação de vulnerabilidade social em nosso Estado. Nos meses de março a maio, as arrecadações na Ceasa-ES representaram 29,47%, 20,30% e 10,27% respectivamente, do montante total de doações recebidas nesses meses.

Fonte: Ceasa-ES

Últimas notícias

Homens são presos saindo de mata com animal abatido

Dois homens foram detidos em flagrante enquanto saiam de uma mata com uma ...

Seca e calor devem afetar próximas duas safras de café no Brasil

Foto: Julio Huber Em reunião virtual realizada na última segunda-feira (30), os conselheiros ...

Polícia identifica desmate ilegal e apreende pássaros em Santa Maria de Jetibá

O Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) constatou desmatamento com corte seletivo de ...

Quais as recomendações para viabilizar os canaviais transgressivos?

Os canaviais transgressivos são viáveis para a canavicultura brasileira. O caminho que leva ...

Agricultores capixabas são autorizados a usar água rio Itabapoana para irrigação

A Agerh analisou 250 processos e emitiu 70 Outorgas de Uso da Água ...