Conab adota medidas para evitar propagação do coronavírus

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) tem adotado medidas para garantir o abastecimento de hortifrutis no comércio durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Além disso, o órgão também monitora mudança de preços no setor e garante que não haverá falta de alimentos nas prateleiras.

Entre as hortaliças que sofreram alta nos preços, estão batata, cenoura, cebola e tomate, segundo a Conab. Em relação à alface, houve maior oferta nos mercados, mas uma menor demanda por conta da possibilidade de estragar em menos tempo.

Em relação às frutas, o levantamento da Conab mostra que a laranja é a que mais tem pesado no bolso dos brasileiros. Isso é justificado porque houve aumento da demanda por cítricos em geral, que auxiliam no aumento da imunidade por serem ricas em vitamina C.

As centrais de abastecimento nos estados e no DF têm se preocupado em evitar a propagação do coronavírus. Nesse sentido, as Ceasas promovem o controle do quantitativo de pessoas que acessam os mercados, além de realizar campanhas de orientação direcionadas aos funcionários e usuários.

Fonte: Marquezan Araújo/Agência do Rádio Mais

Últimas notícias

Cebola e batata ficam mais baratas nas principais Ceasas

A cebola registrou queda nos preços no atacado em todas as Centrais de ...

Famílias de Alegre são beneficiadas pelo Programa Nacional de Crédito Fundiário

Com a aquisição da terra pelo PNCF, comunidade dobra de tamanho e a ...

Calor e ar seco no Brasil na última sexta-feira do inverno

Uma frente fria avança pelo mar e nesta sexta-feira chega ao litoral de São ...

Pesquisa inovadora busca o controle biológico de principal praga da cana-de-açúcar

Instituto da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de SP desenvolve produto inédito e ...

Inscrições abertas para prêmio de qualidade de café arábica do Espírito Santo

Julio Huber O Prêmio Excelência de Qualidade Realcafé Reserva está com as inscrições ...