Conheça as startups vencedoras do desafio de soluções para citricultura

Mais de 30 startups se inscreveram para participar da iniciativa

Foram anunciadas, durante a 47ª Expocitros, as três startups vencedoras do desafio de soluções para a citricultura, a Chamada de Startups Expocitros Tech Mapa Conecta.

A ExpoCitros Tech Mapa Conecta é uma iniciativa de inovação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) com objetivo de aproximar aceleradoras e investidores a startups do agro, em um ambiente propício para networking, transferência de tecnologia e divulgação de novos produtos e serviços que possam não somente atender às demandas do setor citrícola, mas também desenvolvê-lo.

As áreas priorizadas para o desafio foram escolhidas junto com o setor de citricultura e tinham foco em sensoriamento remoto, drones e automação, bioprodutos, comunicação e multimídia e processamento de alimentos, as foodtechs.

Entre as mais de 30 inscritas, foram classificadas para a etapa final dez startups, que apresentaram as tecnologias e soluções para investidores no dia 8 de junho. São elas: Biorosam, Connecthings, Cropman, Dana Agro, G Drones, Goyalab, MyEasyFarm, Perfect Flight, Quiper Fresh e Solubio.

Além da oportunidade de apresentar os negócios para investidores e empresas do setor, as três finalistas receberam uma premiação em dinheiro, distribuídos da seguinte forma: R$ 5 mil (1º lugar), R$ 4 mil (2º lugar) e R$ 3 mil (3º lugar).

Veja as empresas vencedoras:

1º lugar: Connecthings, com uma solução de agricultura digital e de precisão, que inclui hardware e software com inteligência capaz de comunicar-se de forma autônoma com outros dispositivos que fazem parte da sua cadeia de processos, tornando-os auditáveis, mais baratos e seguros. Segundo o CEO, Djeizon Muller, o diferencial é que o cliente não precisa adquirir novos equipamentos, pois o produto já embarca as tecnologias existentes e conecta os equipamentos à fazenda, gerando informações a cada dez segundos, de modo que os processos não se repitam desnecessariamente, por exemplo.

2º lugar:  G Drones, que ofereceu tecnologia de coleta e análise de dados geográficos, agrícolas e ambientais, com fornecimento e aplicação profissional de drones. George Alfredo, CEO da empresa, explica que o diferencial de sua solução é que a equipe é especializada na área de sensoriamento e se preocupa com a validação de dados, de modo que o drone é uma ferramenta para obtenção dos dados, e não o produto em si.

3º lugar: Biorosam, com soluções na área de bioinsumos, com um condicionador de solo microbiano, o SC5. O produto aumenta a resistência hídrica e o equilíbrio salino, com foco em pomares já instalados. De acordo com Bernardo Arnaud, diretor da Biorosam, o produto se diferencia de outros porque não necessita de um consórcio de micro-organismos, mas somente de uma bactéria, Pseudomonas thivervalensis.

INOVAÇÃO ABERTA –  “Esse tipo de evento é fundamental para desenvolver a cultura inovadora nas instituições de ensino e pesquisa e aproximar as soluções de empresas nascentes do setor agropecuário oportunizando um diálogo com atores importantes, tanto potenciais adotantes das tecnológicas, como potenciais investidores nos negócios, contribuindo para a inovação de todo setor”, destacou o secretário adjunto de Inovação do Ministério da Agricultura, Cleber Soares.

Esse é o quarto evento, organizado pelo Mapa nos últimos 12 meses, com foco em convocar startups para apresentarem soluções ao setor produtivo. Já foram realizadas chamadas para as áreas de Integração, Lavoura, Pecuária e Floresta (ILPF), agricultura digital e proteína animal.

Essas ações fazem parte do Programa Agro Hub Brasil, destinado a apoiar os ecossistemas e ambientes de inovação agropecuária no Brasil e promover a criação e amadurecimento de startups, apoiando eventos e desafios e aproximando-as de potenciais oportunidades de captação de recursos públicos e privados para o desenvolvimento de negócios de base tecnológica.

O Expocitrus Mapa Conecta foi organizado Mapa, em parceria com o Centro de Citricultura Sylvio Moreira, o Instituto Agronômico (IAC), a Embrapa, a FB Group e a Cotidiano Aceleradora, e com a colaboração da Fundação de Apoio à Pesquisa Agrícola (Fundag) e do Food Tech Hub Latam. A ação fez parte da programação do 47ª Expocitros, a maior feira citrícola da América Latina, e da 43ª Semana da Citricultura, realizadas entre os dias 6 e 9 de junho de 2022.

Fonte: Mapa

Últimas notícias

Lançamento da Ruraltures será nesta quinta-feira (07) em Venda Nova do Imigrante

Foto: Gabriel Lordello/Mosaico Imagem O Montanhas Capixabas Convention & Visitors Bureau promoverá, amanhã ...

Sistema Cantareira opera em estado de alerta

Os últimos dias acenderam um alerta para o nível dos reservatórios que abastecem ...

Jovens agricultores participam de curso sobre formação de lideranças

Um dos pilares da Coordenadora Latino-americana e do Caribe de Pequenos Produtores e ...

Revista Negócio Rural vence prêmio de jornalismo de Pernambuco

O cooperativismo conecta pessoas e também histórias. Que similaridade poderia haver entre as ...

Serenata Italiana será no próximo sábado (09) em Venda Nova do Imigrante

Relembrar os costumes dos primeiros imigrantes italianos que chegaram em Venda Nova do ...