Coronavírus faz prefeitura suspender feiras livres em Vitória

Preocupada com o aumento do contágio do coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Vitória decidiu suspender a realização das feiras livres a partir desta segunda-feira (23). O objetivo é evitar a aglomeração de pessoas. Essa é mais uma das medidas adotadas pela Prefeitura para garantir a segurança, saúde e bem-estar da população.

“Nós tomamos uma medida de reorganizar as feiras livres a partir de uma orientação da Secretaria de Meio Ambiente de Vitória para que as pessoas com mais de 60 anos não fossem às feiras, nem para vender, nem para comprar, que as famílias fossem com uma pessoa só fazer as compras, que usassem as luvas descartáveis para fazer essas compras e depois jogassem fora. Mas, o que nós vimos neste sábado foi que houve uma grande aglomeração nas feiras e sem nenhum desses cuidados sendo observados. Um risco enorme no momento em que a única saída contra a proliferação do vírus, nessa fase silenciosa, é ficar em casa”, disse o prefeito Luciano Rezende.

Ele completou: “Por isso, nós vamos, a partir dexsta segunda-feira (23), não ter mais as feiras livres em Vitória por um período que nós acharmos seguro, do ponto de vista das normas do Ministério da Saúde”.

APLICATIVOS – A Prefeitura orienta, ainda, que os feirantes disponibilizem serviços de entrega em domicílio e que estejam em contato com os clientes via WhatsApp, de forma a garantir a renda e evitar uma possível proliferação do coronavírus.

“Dessa forma a gente pode permitir a movimentação dos feirantes nesse momento. Eu peço desculpas a todos, mas a experiência mundial mostra que onde cidades, Estados e países estão demorando a tomar as decisões, o preço a pagar é muito alto. A gente, então, precisa tomar essas medidas com antecedência para ter a certeza que nós estamos tomando a decisão mais segura em relação à vida de todas as famílias. E tenho certeza que nós vamos ter um momento mais rápido de travessia desse período difícil para todos nós. Muito obrigado pela compreensão e a cada minuto nós podemos tomar mais decisões como estamos fazendo agora”, disse Luciano.

O secretário municipal de Meio Ambiente, Luiz Emanuel, frisou que as medidas têm o intuito de levar segurança aos munícipes. “Estamos acompanhando a situação, avaliando e tomando decisões a cada momento junto com o prefeito Luciano. A situação é grave e precisamos manter as pessoas o máximo possível dentro de suas casas, que é a melhor forma de combater o vírus. Paralisar as feiras, neste contexto, é uma forma de proteger a população”, afirmou.

Fonte: PMV

Últimas notícias

Estudantes realizam ação de reflorestamento em Colatina

A atividade foi coordenada pelo Núcleo de Educação Ambiental e Agroecologia Estudantes e ...

Simpósio Nacional de Girassol em formato digital

A Embrapa Soja promove a 23ª Reunião Nacional de Pesquisa de Girassol (RNPG) e ...

Idaf tem trabalho aprovado em Encontro Capixaba de Pesquisa em Educação Ambiental

O encontro é organizado pela Ufes em parceria com o Iema O Instituto ...

Ifes abre inscrições para mestrado em Agroecologia

São ofertadas 12 vagas e o início das aulas está previsto para março ...

Laboratório de aquicultura marinha fortalecerá pesquisas no país

Visão em 3D do projeto do Lapimar Foram reiniciadas, esta semana, as obras ...