Credenciados mais estabelecimentos agrícolas para exportação em 24 países

Foto: Pixabay/arte Canal Rural

O governo federal anunciou, na última semana, que mais de 700 estabelecimentos já foram habilitados a exportar produtos agropecuários para 24 países desde janeiro do ano passado. Agora, mais quatro unidades frigoríficas de aves e uma de suínos se juntam a essa lista para vender seus produtos ao Vietnã.

De acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), as novas plantas frigoríficas de aves aptas a exportar para o Vietnã estão localizadas nos estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Já a de suínos se localiza em Minas Gerais.

No ano passado, as exportações para o Vietnã somaram mais de US$ 27 bilhões, US$ 5 bilhões a mais do que o contabilizado em 2018. Em maio, o governo das Filipinas credenciou estabelecimentos de carne bovina de oito estados brasileiros. No mercado de aves, os três estados da região Sul entraram na lista, sendo que Santa Catarina acumulou o mercado de perus.

Outros novos mercados são castanha-de-baru para Coreia do Sul, melão para China, gergelim para a Índia, castanha-do-Brasil para Arábia Saudita, material genético avícola para diversos países e milho de pipoca para Colômbia.

As exportações do agronegócio atingiram valor recorde em abril, ultrapassando pela primeira vez a barreira de US$ 10 bilhões no mês. Em relação ao PIB, a agropecuária mostrou crescimento de 0,6% no primeiro trimestre deste ano em comparação ao mesmo período de 2019. O setor foi o único da atividade econômica nacional a crescer no período analisado.

Fonte: Agência do Rádio Mais

Últimas notícias

Palestra aborda tendências inovadoras para o turismo das montanhas capixabas

A pandemia trouxe diversas mudanças no comportamento do consumidor e todos os setores ...

Laboratório de leite do Idaf recebe credenciamento oficial

Após anos de trabalho e dedicação, o Laboratório de Análise da Qualidade do ...

Apenas três municípios do Espírito Santo estão em risco amarelo no Mapa Covid-19

O Governo do Estado anunciou, ontem (18), o 23º Mapa de Risco Covid-19, ...

Demanda de frete rodoviário no agronegócio tem incremento de mais de 10%

Segundo o Índice de Fretes e Pedágios Repom (IFPR), a demanda por frete ...

Preço do arroz deve permanecer entre R$ 5 e R$ 7 até março do ano que vem

Um dos alimentos mais consumidos na mesa dos brasileiros sofreu um aumento de ...