Dez municípios do interior capixaba passam para risco alto de transmissão da Covid-19

Venda Nova do Imigrante é um dos municípios que passam para o Risco Alto

O governo estadual divulgou o novo Mapa de Risco para a Covid-19. Da próxima segunda-feira (13) até o domingo (19), dez municípios do interior passam a integrar a classificação de alto risco para a transmissão de coronavírus.

Nesta semana, 41 cidades seguem em risco alto e outras 37 em risco moderado. Não há nenhum município em risco baixo ou risco extremo. Entram em risco alto Afonso Cláudio, Apiacá, Atílio Vivacqua, Brejetuba, Jerônimo Monteiro, Mimoso do Sul, Pinheiros, Sooretama, Venda Nova do Imigrante e Vila Valério. Saem do risco alto para o moderado Boa Esperança, Divino de São Lourenço, Fundão, Guaçuí, João Neiva, Montanha, Mucurici, Ponto Belo, Santa Teresa e Viana.

A estratégia de mapeamento de risco teve início no dia 20/04, considerando apenas o coeficiente de incidência. No dia 04 de maio foi inserida a matriz de risco como ferramenta do mapa de risco, constando o coeficiente de incidência e taxa de ocupação de leitos de UTI.

Em 25 de maio, a matriz de risco foi ampliada com a inserção da taxa de letalidade, índice de isolamento social e percentual da população acima de 60 anos. No dia 13 de julho será implementada a Matriz de Risco Ajustada, que constará o coeficiente de incidência e taxa de letalidade dos municípios no período dos últimos 28 dias.

A Matriz de Risco Ajustada trata os dados relativos às estratégias dos municípios no período epidemiológico das últimas quatro semanas. A partir da próxima semana não serão consideradas as regras de 14 dias para a saída do risco alto, limítrofe dos municípios do risco alto e conurbação da Grande Vitória.

O mapa de risco segue orientações dos boletins epidemiológicos do Ministério da Saúde e recomendações da equipe de especialistas do Centro de Comando e Controle, composta pelo Corpo de Bombeiros do Espírito Santo, Defesa Civil, Secretaria Estadual de Saúde (Sesa), Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN), Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) e Instituto Federal do Espírito Santo (IFES). As decisões adotadas no Espírito Santo seguem parâmetros técnicos.

Até a manhã deste sábado (11), de acordo com o Painel Covid-19, do Governo do Estado, 61.361 pessoas testaram positivo para a doença. Dessas, 1.967 morreram e 40.983 se curaram em todo o Espírito Santo.

Fonte: Governo do Estado

Últimas notícias

Preço do leite ao produtor sobe, mas custos de produção reduzem margens

O preço do leite recebido pelo produtor manteve a tendência de alta no ...

Estimativa de safra de café é reduzida pela Conab e próxima colheita preocupa

Foto: Julio Huber O país deverá produzir aproximadamente 46,9 milhões de sacas de ...

Deflagrada nova edição da Operação Mata Atlântica em Pé

Teve início ontem (20), a Operação Mata Atlântica em Pé, iniciativa voltada ao ...

Cursos de tratorista e cultivo de cacau exclusivos para mulheres

Registro de ação do projeto “Mulheres do Cacau” com produtoras rurais As mulheres estão ...

Mapa destrói 58 mil garrafas de azeite de oliva fraudado

Foi a maior apreensão já realizada pelo Ministério da Agricultura no país desde ...