ES: cinco cidades entram no grupo de Risco Alto para Covid-19 a partir de segunda (22)

Nesta segunda-feira (22), entra em vigor o 10º Mapa de Risco Covid-19 do Espírito Santo. Quarenta cidades permanecem em risco moderado e outras 38 em risco alto. Entram Aracruz, Guaçuí, Rio Novo do Sul, São Gabriel da Palha e Vila Valério e saem Água Doce do Norte, Barra de São Francisco, Bom Jesus do Norte e Ibitirama.

O mapa terá atualização toda semana. A validade é de 14 dias para as cidades que entram em risco alto, ou seja, a cidade que entrar em risco alto ficará por 14 dias nesta situação. No próximo sábado haverá nova atualização.

A estratégia de mapeamento de risco teve início no dia 20 de abril, considerando apenas o coeficiente de incidência. No dia 04 de maio, foi inserida a matriz de risco como ferramenta do mapa de risco, constando o coeficiente de incidência e taxa de ocupação de leitos de UTI. Em 18 de maio, a matriz de risco foi ampliada com a inserção da taxa de letalidade, índice de isolamento social e o percentual da população acima de 60 anos.

O mapa de risco segue orientações dos boletins epidemiológicos do Ministério da Saúde e recomendações da equipe de especialistas do Centro de Comando e Controle, composta pelo CBMES, Defesa Civil, SESA, IJSN, UFES e IFES. As decisões adotadas no ES seguem parâmetros técnicos.

Fonte: Governo do Espírito Santo

Últimas notícias

Capixaba é eleito influenciador do cooperativismo brasileiro

O Prêmio Somoscoop divulgou os finalistas em cerimônia virtual O deputado federal Evair ...

Abacaxis produzidos no Espírito Santo são distribuídos a hospital

Funcionários do viveiro, extensionista do Incaper e representantes da Secretaria de Agricultura de ...

Nova cultivar de feijão carioca de alta produtividade é lançada

Foto: Sebastião Araújo/Embrapa O Brasil é um dos principais produtores e consumidores de ...

Seguro rural de florestas será avaliado em videoconferência do Mapa

Evento virtual Monitor do Seguro Rural será no dia 27 de novembro O ...

Aprovado certificado para exportação para o México de ovos frescos, subprodutos e partes e arroz com casca

O Brasil foi informado pelas autoridades mexicanas da aprovação do Certificado Zoossanitário Internacional ...