Exportação de carne suína para a China salta 86% em maio

A China importou 370 mil toneladas de carne suína em maio, alta de 86% na comparação com mesmo mês do ano anterior, mostraram dados divulgados na última terça-feira (23) pela alfândega, com compradores aumentando as aquisições externas após um colapso na produção doméstica

As importações totais de carne suína nos primeiros cinco meses do ano alcançaram 1,72 milhão de toneladas, disse a Administração Geral de Alfândegas, disparando 146% sobre mesmo período do ano anterior. As importações incluindo miúdos foram de 510 mil toneladas em maio, alta de 62% na comparação anual, levando as importações totais no ano para 2,28 milhões de toneladas, segundo os dados.

As fortes compras vêm após a peste suína africana ter dizimado o rebanho suíno da China ao longo dos últimos dois anos, reduzindo a produção de porcos em quase 1/3 no primeiro trimestre e mantendo os preços da carne favorita do país em máximas recorde. As importações em maio ficaram apenas um pouco abaixo do recorde registrado em abril, de 400 mil toneladas.

Fonte: Reuters

Últimas notícias

Sustentabilidade no agronegócio é tema de webinar

Nesta quarta-feira (23), o Webinar BW TALKS recebe dois especialistas no agronegócio para tratar da ...

Agrofloresta diversifica produção e gera mais renda para a Agricultura Familiar

Sistema permite colheita o ano todo de diferentes culturas alimentares, enquanto produtor aguarda ...

Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha abre inscrições para as provas de velocidade

Haras Raphaela, em Tietê (SP), sediará competições do Quarto de Milha em quatro ...

Brasil exporta primeira carga de melão para China após acordo bilateral

Esta é a primeira fruta fresca brasileira exportada para o mercado chinês A ...

Edição 2020 da Corrida e Caminhada do Café será virtual

Atletas podem enviar registros de corridas em qualquer lugar para a organização do ...