Federação da Agricultura reforça recomendações de prevenção durante a colheita do café

O Espírito Santo deve colher mais de 14 milhões de sacas de café

A colheita do café começou no Espírito Santo e a produção deve chegar a 14,1 milhões de sacas. Deste total, espera-se colher cerca de 9,8 milhões de sacas de conilon e, aproximadamente, 4,3 milhões de sacas de arábica, segundo estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Por reunir grande movimentação de trabalhadores no período de colheita, o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Espírito Santo (FAES), Júlio Rocha, reforçou que todos os trabalhadores preservem suas vidas seguindo as recomendações de prevenção para evitar contaminação e transmissão do Covid-19.

“Além da disponilidade da cartilha orientativa do Governo do Estado, a qual auxiliamos na produção, a Federação junto ao Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Espírito Santo (SENAR-ES) também está entregando kits aos Sindicatos Rurais contendo máscaras, álcool e cartaz orientativo. Estes kits serão distribuídos aos produtores da região atendidos nos Sindicatos e também aos que estão atuando na colheita”, disse Júlio.

OPORTUNIDADES – Outro reforço neste momento de pandemia é o Banco de Oportunidades criado pela FAES, o SENAR-ES, os Sindicatos Rurais, em parceria com a OCB/ES. Por meio dele, empregadores e trabalhadores rurais capixabas cadastram vagas de emprego que podem ser acessadas por quem deseja trabalhar nas propriedades rurais.

Depois de se cadastrarem no site, trabalhadores rurais podem verificar as vagas de trabalho disponíveis e se candidatarem. Os empregadores terão acesso aos currículos cadastrados e poderão entrar em contato com os profissionais para iniciar o processo de contratação. O cadastro de vagas e currículos é totalmente gratuito e pode ser feito em www.oportunidades.senar-es.org.br.

O lançamento da colheita é um marco importante para a cafeicultura capixaba. O evento sempre atraiu centenas de produtores envolvidos na cadeia produtiva do café, mas este ano, por conta da pandemia, foi realizado de uma maneira diferente: por meio de um vídeo gravado na Fazenda Experimental do Incaper de Marilândia, exibido nas redes sociais da Seag e do Incaper.

Desta forma, todos os capixabas foram contemplados com informações a respeito da cafeicultura capixaba, conhecendo a importância desta que é a principal atividade agrícola do Espírito Santo e fazendo parte dos resultados que o café traz para o Estado.

Assista ao vídeo da colheita

Baixe a cartilha de prevenção na colheita do café

Últimas notícias

Menor oferta mundial de café impulsiona valores futuros

Os contratos futuros do café arábica tiveram desempenho positivo nesta semana, voltando a ...

Doze municípios do Espírito Santo passam para risco baixo de contaminação da Covid-19

O Governo do Estado anunciou, nesta sexta-feira (07), o 54º Mapa de Risco ...

Seminário discute déficit de armazenagem para grãos e aponta soluções emergenciais

A constatação da necessidade de aumentar o espaço para armazenar grãos nas principais ...

Conquistas no campo são alcançadas com o auxílio da Contribuição Sindical Rural

A Contribuição Sindical Rural (CSR) fortalece a categoria rural, e, é através dela ...

Ceasa-ES inicia coleta de culturas de produtos do mercado para análise

Ação vem sendo realizada em parceria com o MPES e a Vigilância Sanitária ...