Fiscais e Polícia Federal apreendem redes ilegais de pesca em Vitória

Apreensão de rede de pesca ilegal

Fiscais da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam), em parceria com a Polícia Federal, apreenderam duas redes de arrasto de fundo com hidroportas na Área de Proteção Ambiental Baía das Tartarugas e Baía do Espírito Santo.

A gerente de Fiscalização da Semmam, Priscila Ligia Alvarino, conta que a ação começou às 5 horas, sendo lavrados dois autos de infração. “O pescado que estava vivo foi devolvido imediatamente ao seu habitat natural”, salientou.

No final da manhã da última sexta-feira (10), foi apreendida uma rede de espera de 200 metros no canal principal da Baía de Vitória. O infrator não foi localizado pela equipe.

Apreensão de rede de pesca ilegal

Segundo o secretário de Meio Ambiente, Ademir Barbosa Filho, a multa para quem é flagrado pescando com qualquer tipo de rede em áreas ambientais proibidas de Vitória varia de R$700,00 a R$ 100 mil, e o responsável pode responder processo por crime ambiental, segundo a lei nº 9.077/17.

Fonte: Prefeitura de Vitória

Últimas notícias

Abacate: dos quintais para os espaços gourmets e fitness

Alçado a "super alimento" e ingrediente diferenciado em restaurantes, fruta teve seu valor ...

Liberados R$ 7,4 milhões para custear pesquisas e inovações na cafeicultura

O apoio do Conselho Nacional do Café (CNC) à demanda apresentada pela Embrapa ...

Mercado de alimentos à base de vegetais é tema de workshop

Ministério tem buscado levantar informações junto ao setor que possam embasar uma futura ...

Lançada plataforma tecnológica com dados do solo brasileiro

Ferramenta fortalece produção agrícola e manejo sustentável da terra O conhecimento dos solos ...

Um município capixaba entra em risco alto e 49 estão em risco moderado para Covid-19

Julio Huber O novo mapa de risco para Covid-19 (coronavírus) foi divulgado na ...