Fraca demanda e baixa liquidez seguem pressionando cotações de ovos

Os preços dos ovos, que iniciaram o mês de junho em alta, não mantiveram o movimento no restante do mês, conforme era esperado por agentes do setor.

Segundo colaboradores do Cepea, desde o dia 10, as cotações vêm sendo pressionadas pela demanda enfraquecida e a consequente baixa liquidez, que elevaram os estoques em grandes produtores e/ou distribuidores.

O descompasso entre oferta e procura tem levado agentes a reprogramar os descartes de poedeiras mais velhas, que, de acordo com colaboradores do Cepea, têm sido dificultados, uma vez que muitos frigoríficos ainda estão funcionando de forma parcial.

Fonte: Cepea

Últimas notícias

Projeto do ES é selecionado em concurso de soluções para restaurar a bacia do rio Doce

Cinco iniciativas de plantio sustentável com fins econômicos foram selecionadas em parceria realizada ...

ES integra operação nacional Mata Atlântica em Pé

O balanço da ação no Estado será apresentado no próximo dia 1º, em entrevista ...

Programa CNA Jovem tem 3.742 inscritos e seleciona 1.400 para oficinas digitais

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) apresentou o primeiro balanço das atividades ...

Conab: safra brasileira de café é a segunda maior da história

Em seu 3º Levantamento da Safra 2020 de café, a Companhia Nacional de ...

Primavera começa com transição entre estações seca e chuvosa

Com o gradativo aumento das chuvas em grande parte do país nesta época ...