Governo vai investir R$ 26 milhões para comprar produtos de agricultores

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), que tem por objetivo promover o acesso à alimentação e incentivar a agricultura familiar, vai receber investimento da ordem de R$ 26 milhões.

A estimativa do governo federal é de que quatro mil agricultores familiares sejam beneficiados em 90 municípios. Novas regras foram adotadas para o repasse de recursos municipais com prioridade para cidades mais vulneráveis. Os municípios têm até 30 dias para confirmar o interesse na execução do Programa.

A partir de agora vão ter execução direta as cidades com população acima da média regional e que atendam a três critérios: proporção do número total de pessoas extremamente pobres vinculadas ao Cadastro Único em relação ao número total de pessoas, acima da média regional; proporção do déficit de altura infantil para idade em crianças menores de cinco anos, com acompanhamento no Programa Bolsa Família, e proporção do número total de Declarações de Aptidão ao Pronaf – DAP ativas, vinculadas ao Cadastro Único em relação ao número total de DAP ativas. 

Em 2020 somente vão ser atendidos municípios que já possuem adesão ativa e com boa execução. Os locais que não atendem aos critérios vão poder continuar executando o Programa de Aquisição de Alimentos através das adesões estaduais.

De acordo com o secretário nacional de Inclusão Social e Produtiva do Ministério da Cidadania, Ênio Lopes, essa mudança garante maior eficiência e transparência na execução dos recursos, pois reduz a burocracia e oferece mais tempo para um acompanhamento qualitativo da execução da proposta. “Como muitos municípios passarão a ser contemplados por adesões estaduais, essa é uma forma de fortalecer a gestão dos Estados sobre a política de segurança alimentar e nutricional”, garante.

A lista de municípios contemplados pode ser encontrada neste link.

Fonte: Brasil 61 e Ministério da Cidadania

Últimas notícias

Senar lança cursos gratuitos de drones e inseminação artificial. Inscreva-se!

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) lançou três cursos de curta duração, ...

Especialistas do Brasil e exterior debatem mercado halal

O fórum de negócios Global Halal Brazil ocorre na próxima semana e terá ...

Estados Unidos mudam regras para ingresso de cães procedentes do Brasil

Os animais que chegam de países classificados como de alto risco para raiva, ...

Entidades afirmam que caso das búfalas de Brotas foge à regra dos produtores

A Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (Faesp) publicou ...

Cadeia produtiva do leite é destaque em novo Boletim da Agricultura Familiar da Conab

Já está disponível, no site da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a publicação ...