Investimento do Sebrae/ES em consultorias gratuitas para pequenos negócios passa a R$ 25 milhões

Valor inicial aportado era de R$ 10 milhões. Com a grande procura, o Sebrae readequa o valor para R$ 25 milhões até o final deste mês

Em abril deste ano o Serviço de Apoio as Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/ES) aportou R$ 10 milhões em consultorias gratuitas auxiliar os micro e pequenos negócios a enfrentar as dificuldades causadas pelas restrições impostas pela pandemia da Covid-19.

No entanto, a procura pelo serviço foi tão grande, que a instituição já investiu, até o momento, R$ 16 milhões. Diante da necessidade dos empresários, o Sebrae/ES decidiu readequar os investimentos e disponibilizar mais recurso em consultorias, que estão sendo muito importantes para os pequenos negócios. A expectativa é investir R$ 25 milhões até o final do mês.

“Estamos disponibilizando, de forma totalmente gratuita, consultorias que custariam entre R$ 140 e R$ 8 mil. O Sebrae/ES está oferecendo consultorias para alcançar aqueles que precisam de direcionamento em seus negócios durante este momento tão difícil. Agora é preciso inovar e se programar para o que vem adiante”, salienta o superintendente do Sebrae/ES, Pedro Rigo.

Até o dia 30 deste mês, as consultorias podem ser escolhidas gratuitamente pelos empreendedores conforme suas necessidades. É preciso ter CNPJ para usufruir do serviço. Os interessados devem acessar a plataforma Por Onde Começar (sebrae-porondecomecar.com.br). Por meio das consultorias tecnológicas, os interessados terão suporte para cuidar da identidade visual, presença digital, implantação de e-commerce e marca (branding) de seus negócios. Tudo isso sem pagar nada.

O superintendente do Sebrae/ES, Pedro Rigo, afirma que é preciso inovar e se programar para o que vem adiante

Vitor Fernando Carvalho Pereira é proprietário da Cheff Pet, empresa que oferece petiscos 100% naturais para animais de estimação. Sediada em Anchieta, a empresa começou a ser estruturada em janeiro deste ano e, com a chegada da pandemia da Covid-19, o empresário conta que precisou trabalhar em novas estratégias para a manutenção de seu negócio. Para isso, contou com o apoio das consultorias online disponibilizadas pelo Sebrae.

“O empreendimento é novo e com a pandemia percebi que precisava intensificar a presença no meio digital. Tive acesso às consultorias de formação de preço de venda e a de Marketing Digital, ambas excelentes. Os consultores me passaram ótimas recomendações e também trabalhei na otimização do meu negócio nas redes sociais e na identidade visual. A experiência foi muito positiva e espero aproveitar outras consultorias proporcionadas pelo Sebrae.”

Vitor Fernando Carvalho Pereira, proprietário da Chefe Pet, empresa que oferece petiscos 100% naturais para animais de estimação, precisou trabalhar em novas estratégias para a manutenção do negócio

REINVENTE-SE – Para aqueles que buscam inovar em seus negócios, uma cartela de consultorias do Sebraetec está disponível. “Temos um combo de consultorias para quem quer divulgar sua empresa pela internet, com soluções voltadas para criação de identidade visual, arte para mídias sociais, cartões, tudo para entrega rápida. Vamos fazer um planejamento de presença digital para aqueles que precisarem e criar as peças de comunicação atrativas e eficientes”, afirma o gerente da Unidade de Inovação do Sebrae, Leonídio Pinheiro.

As soluções para os pequenos negócios incluem artes para divulgação via Whatsapp, para padronização no Facebook e criação de cardápio virtual. De forma direta e rápida o Sebrae/ES vai auxiliar o empreendedor que não sabe como criar layouts a expandir a divulgação do seu negócio no meio digital, tarefa essencial neste momento de crise, que pede mudanças urgentes na forma de oferecer produtos e serviços. Esta pode ser ainda a oportunidade para tirar os projetos do papel e buscar os editais de inovação. “Essa é a hora que muitos estavam esperando para elaborar seus projetos de inovação. Uma consultoria para quem quer acessar os editais de inovação abertos, que normalmente custaria R$ 1.500, sai totalmente de graça durante esse período de crise”, ressalta o gerente.

AÇÕES – O Espírito Santo tem hoje um total de 427.409 empresas ativas, sendo 260.630 Microempreendedores Individuais (MEI), 143.248 Micro e Pequenos Empreendedores (ME/EPP) e 23.531 dos demais portes. Um levantamento do Sebrae mostra que cerca de 150 mil pessoas ainda trabalham por contra própria, mas na informalidade, como vendedores ambulantes, no comércio varejista com ponto fixo, ou oferecendo serviços de porta a porta.

Nesse momento de crise para o setor, o Sebrae está empenhado em continuar ajudando os micro e pequenos negócios para minimizar os efeitos da situação causada pelo novo coronavírus. Foi intensificada a abordagem de atendimento remoto e criada a plataforma de apoio Por Onde Começar (http://sebrae-porondecomecar.com.br). A plataforma tem como objetivo apoiar empresários e toda a sociedade a enfrentar este momento com união e soluções: conteúdo, cursos e soluções gratuitos.
Ao acessar o portal, o empreendedor tem a sua disposição os canais de interação Fale com o Sebrae, que funciona das 8h às 18h; e seu novo Whatsapp Business, que pode ser acessado via 0800 570 0800, das 8h às 18h. Na plataforma o empreendedor também encontra cursos gratuitos de EAD e vídeos com dicas práticas para enfrentar as situações de crise.

Fonte: Sebrae

Últimas notícias

Especialista diz que mercado financeiro precisa acompanhar crescimento do agronegócio

Um levantamento feito em 2021 pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil ...

Tema da Semana Internacional do Café 2021 é “retomar, reencontrar, reconectar”

Depois de uma edição 100% digital histórica em 2020, a Semana Internacional do ...

Especialistas irão falar sobre a onda de títulos verdes no Brasil

A nova onda de títulos verdes que se espalha pelo setor do agro ...

Programa de treinamento para mulheres em café é lançado no Espírito Santo

Começou, na última terça-feira (19), o primeiro curso do Programa de Treinamento em ...