Mundo digital é uma oportunidade de negócios no agro

O agronegócio avançou fortemente em termos de digitalização durante a pandemia do novo coronavírus, por meio da rápida adoção de soluções tecnológicas para a compra de insumos, para a venda de produtos, para realização de treinamentos, para assistência técnica remota, para o planejamento e monitoramento de lavouras e dos animais, entre outros.

Apesar dessa evolução, o agronegócio pode crescer ainda mais no mundo digital, em especial, as empresas que atuam “antes da porteira”, ou seja, os fabricantes e distribuidores de máquinas, equipamentos e implementos e de insumos em geral – sementes, fertilizantes, defensivos biológicos, defensivos agrícolas,  substratos e condicionadores de solo.

De acordo com Fernando Cartier e Luciana Duarte, especialistas em marketing digital e em profissionalização de departamentos de marketing, que lideram o movimento X500, a realização de negócios no agro é conduzida, geralmente, de forma tradicional.

“Porém, o mercado está em transformação com uma utilização cada vez maior de ferramentas e tecnologias relacionadas à internet e, num futuro muito próximo, a maioria dos negócios também seguirá por este caminho, como já está acontecendo em outros setores”.

Por isso, os especialistas reforçam a urgência de que as empresas que atuam antes da porteira ampliem e fortaleçam sua presença digital. Isso porque um trabalho profissional de marketing digital resulta em uma série de benefícios econômicos e institucionais, incluindo maior rentabilidade, comunicação mais assertiva de vendas, prospecção ainda mais ativa, geração de novas demandas, maior poder de atração para os produtos e maior exposição do portfólio ou de um produto específico aos clientes e aos futuros compradores.

Dados da IAB Brasil apontam que 74% dos consumidores brasileiros fazem pesquisa na internet antes de comprar produto ou serviço. E, isso vale também para as empresas. “A reputação de uma marca no mundo digital pode interferir em seu negócio. Se ela possui uma presença digital consolidada, com uma campanha de marketing digital profissional, certamente, seus resultados, em todos os aspectos, serão potencializados”, finaliza Cartier.

Últimas notícias

Senar lança cursos gratuitos de drones e inseminação artificial. Inscreva-se!

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) lançou três cursos de curta duração, ...

Especialistas do Brasil e exterior debatem mercado halal

O fórum de negócios Global Halal Brazil ocorre na próxima semana e terá ...

Estados Unidos mudam regras para ingresso de cães procedentes do Brasil

Os animais que chegam de países classificados como de alto risco para raiva, ...

Entidades afirmam que caso das búfalas de Brotas foge à regra dos produtores

A Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (Faesp) publicou ...

Cadeia produtiva do leite é destaque em novo Boletim da Agricultura Familiar da Conab

Já está disponível, no site da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a publicação ...