O uso de antimicrobianos na avicultura foi tema de debates

Foto: AVES

Proporcionando uma conferência virtual que debateu sobre o uso de antimicrobianos na avicultura, assunto cada vez mais presente na produção avícola, a Associação dos Avicultores do Estado do Espírito Santo (AVES) e a Coopeavi promoveram uma edição conjunta do Qualificaves de Postura Comercial e Frango de Corte.

Com o tema “Antimicrobianos: uso racional e substituição. Um caminho sem volta”, o evento online ocorreu na última quarta-feira (05). Mais de 70 pessoas participaram do encontro, realizado por meio de uma videoconferência de forma gratuita. O comando da apresentação foi do diretor técnico da Biocamp Laboratórios LTDA, Paulo César Martins.

Inicialmente, Paulo destacou a preocupação de diversas autoridades com o surgimento de bactérias multirresistentes a vários tipos de antibióticos. Além disso, ele falou sobre o uso de vacinas, probióticos, enzimas e outros medicamentos que podem substituir os antimicrobianos, e enfatizou a revisão antimicrobiana publicada em 2014, que apresentou uma estimativa de mortes para o ano de 2050 motivadas por uma gama de doenças bacterianas.

“Para Tifo Aviário (TA) e Mycoplasma gallisepticum (MG), as vacinas constituem as melhores ferramentas para controle. Por enquanto, vamos trabalhar com aquilo que produz 99,9% das perdas que é o Mycoplasma gallisepticum, depois o Mycoplasma synoviae. Nós vamos ter que trabalhar através de biosseguridade e isolamento, enquanto que esperamos as vacinas”, detalhou o palestrante sobre as temáticas de Tifo Aviário e Mycoplasma gallisepticum.

Após a apresentação, Paulo ainda interagiu com o diretor executivo da AVES, Nélio Hand, que coordenou a videoconferência, e respondeu questionamentos enviados pelo público participante do encontro virtual.

Com diversos módulos ao longo do ano, o Programa Anual de Capacitação de Avicultores (Qualificaves) é realizado pela AVES, que sempre conta com a parceria de empresas que atendem o setor, trazendo à discussão temas relevantes para os seus associados.

Fonte: Assessoria de imprensa/AVES

Últimas notícias

Abacate: dos quintais para os espaços gourmets e fitness

Alçado a "super alimento" e ingrediente diferenciado em restaurantes, fruta teve seu valor ...

Liberados R$ 7,4 milhões para custear pesquisas e inovações na cafeicultura

O apoio do Conselho Nacional do Café (CNC) à demanda apresentada pela Embrapa ...

Mercado de alimentos à base de vegetais é tema de workshop

Ministério tem buscado levantar informações junto ao setor que possam embasar uma futura ...

Lançada plataforma tecnológica com dados do solo brasileiro

Ferramenta fortalece produção agrícola e manejo sustentável da terra O conhecimento dos solos ...

Um município capixaba entra em risco alto e 49 estão em risco moderado para Covid-19

Julio Huber O novo mapa de risco para Covid-19 (coronavírus) foi divulgado na ...