Pessoas com auxílio emergencial negado podem procurar Defensoria Pública da União para contestar resultado

O Ministério da Cidadania e a Defensoria Pública da União (DPU) firmaram uma parceria que vai ajudar quem teve o pedido de auxílio emergencial negado. A partir de segunda-feira (22), essas pessoas podem entrar com pedido de contestação do resultado por meio da Defensoria local, tendo em mãos documentos que comprovem que a pessoa está apta a receber o recurso.

O governo federal estima que, com a ação, será possível solucionar o caso desses cidadãos por meio administrativo, sem ser necessário o processo de judicialização.

O atendimento na Defensoria Pública é de graça e, segundo o órgão, esse procedimento vai permitir que cada caso seja analisado de forma individual, dando mais chance para quem precisa do benefício em meio à pandemia do novo coronavírus.

No Espírito Santo, a Defensoria Pública da União fica localizada na avenida Cezar Hilal, 1293, em Santa Lucia, Vitória. Os telefones para contato são: (27) 3145-5600/5615/5616 / Plantão: (27) 98125-0036.

Fonte: Agência do Rádio

Últimas notícias

Capixaba é eleito influenciador do cooperativismo brasileiro

O Prêmio Somoscoop divulgou os finalistas em cerimônia virtual O deputado federal Evair ...

Abacaxis produzidos no Espírito Santo são distribuídos a hospital

Funcionários do viveiro, extensionista do Incaper e representantes da Secretaria de Agricultura de ...

Nova cultivar de feijão carioca de alta produtividade é lançada

Foto: Sebastião Araújo/Embrapa O Brasil é um dos principais produtores e consumidores de ...

Seguro rural de florestas será avaliado em videoconferência do Mapa

Evento virtual Monitor do Seguro Rural será no dia 27 de novembro O ...

Aprovado certificado para exportação para o México de ovos frescos, subprodutos e partes e arroz com casca

O Brasil foi informado pelas autoridades mexicanas da aprovação do Certificado Zoossanitário Internacional ...