Pessoas com auxílio emergencial negado podem procurar Defensoria Pública da União para contestar resultado

O Ministério da Cidadania e a Defensoria Pública da União (DPU) firmaram uma parceria que vai ajudar quem teve o pedido de auxílio emergencial negado. A partir de segunda-feira (22), essas pessoas podem entrar com pedido de contestação do resultado por meio da Defensoria local, tendo em mãos documentos que comprovem que a pessoa está apta a receber o recurso.

O governo federal estima que, com a ação, será possível solucionar o caso desses cidadãos por meio administrativo, sem ser necessário o processo de judicialização.

O atendimento na Defensoria Pública é de graça e, segundo o órgão, esse procedimento vai permitir que cada caso seja analisado de forma individual, dando mais chance para quem precisa do benefício em meio à pandemia do novo coronavírus.

No Espírito Santo, a Defensoria Pública da União fica localizada na avenida Cezar Hilal, 1293, em Santa Lucia, Vitória. Os telefones para contato são: (27) 3145-5600/5615/5616 / Plantão: (27) 98125-0036.

Fonte: Agência do Rádio

Últimas notícias

Pesquisadores elaboram dicionário das características sensoriais do chá-mate

Grupo avaliou amostras de chá de diferentes regiões do Brasil para definir 39 ...

Índia estabelece novas exigências para importação de 24 produtos vegetais

A exportação deve estar acompanhada por certificado oficial, atestando que os produtos não ...

Rota marítima pelo Pacífico pode reduzir custos de frete

Os agricultores que utilizam os portos do Arco Norte podem obter redução de ...

Região de Poços de Caldas investe em marca coletiva de café vulcânico

Poços de Caldas, no Sul de Minas, é destino de muitos turistas atraídos ...

Marco Legal das Startups é aprovado no Senado

Em 2021, a relação entre cooperativas e startups pode ser ainda mais estimulada ...