Preço médio do leite sobe mais de 16% e atinge valor recorde para o mês de julho

Em julho, o preço do leite ao produtor atingiu recorde para o mês e alcançou a média de R$ 1,75, segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), vinculado à Universidade de São Paulo (USP). O valor representa uma alta de R$ 16,1% em relação a junho deste ano e aumento de 25% se comparada ao mês de julho de 2019. 

O preço médio é o segundo mais alto de toda a série histórica do Cepea, que realiza o levantamento desde 2004. O centro de estudo afirma que a elevação se deu por conta da mais competitividade da indústria de laticínios que tem tentado garantir a compra de matéria-prima. O Cepea diz que a maior concorrência ocorreu também devido à necessidade de se refazer estoques de derivados lácteos. 

Além disso, também houve aumento no preço dos derivados lácteos em junho. Em relação ao leite UHT o acréscimo no valor foi de 17,7%, a muçarela teve aumento de 23% e o leite em pó, 10,9%. 

Fonte: Brasil 61

Últimas notícias

Exportações de suco de laranja recuam 23,5% no segundo semestre de 2020

Os embarques totais de suco de laranja brasileiro (FCOJ Equivalente a 66º Brix), ...

Femagri e Feira do Cerrado 2021 serão realizadas 100% online

A pandemia da Covid-19 ainda está trazendo muitos desafios, como o isolamento e ...

Projetos ambientais promovidos por cooperativa são exemplos de sustentabilidade

A sustentabilidade é um dos pilares da atuação da Cooperativa de Produtores Rurais ...

Semana termina com leve queda para o café nas bolsas

Mercado internacional passou por ajustes técnicos, mas os fundamentos seguem positivos, com menor ...

Unidade prisional de Cachoeiro de Itapemirim doa hortaliças a hospital do município

O Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro de Itapemirim (CDPCI) realizou, na manhã desta quinta-feira ...