Quase R$ 12 milhões para compra de alimentos da agricultura familiar capixaba

O governo do Espírito Santo anunciou, nesta terça-feira (28), um repasse de quase R$ 12 milhões para a aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para as escolas da Rede Pública Estadual. Os recursos são oriundos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e vão beneficiar 24 contratos e 18 cooperativas.

Serão adquiridos gêneros alimentícios hortifrutigranjeiros, peixe, polpa e produtos estocáveis, como feijão, leite em pós, farinha, dentre outros produtos, da agricultura familiar e de empreendedor familiar rural ou suas organizações, visando atender as necessidades da alimentação escolar dos alunos matriculados nas Escolas Estaduais de Ensino Fundamental e Médio. O contrato tem vigência de 12 meses, podendo ser prorrogado.

Os recursos serão destinados para a Rede Estadual, tendo como apoio 11 municípios: Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Colatina, Guarapari, Linhares, Santa Maria de Jetibá, São Mateus, Serra, Vila Velha e Vitória.

Serão contempladas nessa ação: Cooperativa Agroindustrial de Garrafão (COOPERFRUIT); Cooperativa dos Agricultores Familiares Sul Litorânea do Estado do Espírito Santo (CAF SUL); Cooperativa dos Agricultores Familiares da Região Serrana do Espírito Santo (CAF SERRANA);  Cooperativa da Agricultura Familiar de Cariacica (CAFC-ES); Cooperativa de Valorização Incentivo E Desenvolvimento Agropecuário Sustentável (COOPERVIDAS); Cooperativa dos Agricultores Familiares de Afonso Cláudio (CAFAC); Cooperativa da Agricultura Familiar de Cachoeiro de Itapemirim (CAF CACHOEIRO);  Associação de Produtores Rurais de Roda D’água e Região (APRODER);  Cooperativa de Laticínios Selita; Cooperativa Agropecuária de São Roque Do Canaã (COOAPE); Cooperativa da Agricultura Familiar de Rio Bananal – (CAF RIO BANANAL); Associação de Rádio Comunitário do Assentamento Florestan Fernandes (ARCAFF); Cooperativa de Agricultores Familiares de São Mateus (CAF SM);  Cooperativa de Empreendedores Rurais de Domingos Martins (COOPRAM); Cooperativa de Laticínios de Alfredo Chaves (CLAC); Cooperativa dos Agricultores Familiares de Colatina (CAF COLATINA);  Associação de Produtores Rurais de Boa Vista (APROVISTA); e Associação dos Aquicultores de Cariacica (ACICA).

Fonte: Governo do Espírito Santo

Últimas notícias

Mapa e Ministério da Economia atendem a pleito do CNC e encontram caminhos para o pagamento do Brasil à OIC

As gestões realizadas pelo Conselho Nacional do Café (CNC), junto ao Governo Federal, ...

Fruticultura brasileira ganha mais um aliado no combate à mosca das frutas

Nova especificação de referência traz ingrediente ativo inédito para monitoramento e controle de ...

Novas normas de identidade e qualidade para bebidas não alcoólicas entram em vigor em junho

A regulamentação traz novas possibilidades de inovação ao criar a categoria de bebida ...

Setor de carnes do Brasil será representado em uma das maiores feiras de alimentos da China

Em um período estratégico para o fortalecimento de negócios com o mercado asiático, ...

Webinar debate mudanças da educação de crianças e jovens sobre o agronegócio

Incentivar os estudantes a conhecer o agro, ensinar o quão valoroso é o ...