Relatório da Conab sinaliza queda de preços das hortaliças no país

As cotações das frutas e hortaliças avaliadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) em maio sinalizam boas notícias para os consumidores brasileiros. De acordo com o 6º Boletim do Programa Brasileiro de Modernização do Mercado Hortigranjeiro (Prohort), divulgado pela estatal nesta quarta-feira (15), o movimento preponderante dos preços da alface, batata, cenoura e tomate foi de queda na maioria das Centrais de Abastecimento, o que se reverteu em preços mais baixos também nos mercados de alguns estados – como aponta o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) publicado no último dia 9 deste mês.

Segundo o Boletim, o motivo dos valores mais em conta foi o aumento da oferta dessas hortaliças, sobretudo da batata, que ampliou em torno de 13% o volume disponível e pela primeira vez no ano apresentou queda de preços. O abastecimento dos mercados continuou a ser realizado pelos estados de Minas Gerais, Paraná e Bahia, com destaque para a oferta baiana, que aumentou 110% em relação a abril.

Em algumas Ceasas, os preços já demonstram queda em junho, sobretudo pelo aumento das produções locais ou próximas a elas. No mercado de Juazeiro/BA, por exemplo, o preço médio do mês atual está 7% abaixo da média de maio. Na Ceasa/DF – Brasília, a cotação do tubérculo está 40% abaixo em relação a média de maio, influenciado pelo aumento da safra goiana, que se concentra na microrregião do Entorno de Brasília, sobretudo no município de Cristalina/GO.

O tomate apresentou reversão do movimento de alta graças ao aumento de cerca de 15% da oferta em quase todos os estados produtores, o que gerou uma contração significativa do preço final na maioria dos mercados analisados no último mês. Destaque para as reduções em Vitória/ES (46%) e no Rio de Janeiro (39%), com preços médios de R$ 4,31 e R$ 4,46 o quilo.

A cenoura também obteve quedas em percentuais acima de 40% em maio, depois da escalada de alta nos três primeiros meses do ano. A oferta elevada em 25% relativa a abril influenciou na baixa dos preços, principalmente em Brasília/DF (58%), com a cenoura vendida a R$ 3,94 em média, e em Curitiba/PR (53%), cotada em R$ 2,37/Kg.

Apesar dos bons preços na maioria das hortaliças, a cebola, com boa parte importada e oferta reduzida, manteve a tendência de alta em maio. Mas o mês de junho já sugere mudanças, uma vez que o novo quadro de oferta nacional deve permanecer no mercado até o final do ano e vem provocando uma baixa das cotações desde o início do mês na maioria dos mercados. Na Ceagesp/SP, a queda chega a 11% em relação à média de maio. Na Ceasa/AL a diminuição é de 25%, enquanto na CeasaMinas e na Ceasa/RJ o decréscimo é de quase 15%.

FRUTAS – O Boletim Prohort mostra ainda que no mês de maio, dentre as frutas analisadas, laranja e maçã não tiveram um comportamento uniforme, enquanto a banana, o mamão e a melancia tiveram tendência de queda. Com percentuais negativos em Brasília/DF (35%) e Recife/PE (19%), a banana foi vendida a R$ 3,64 e R$ 1,70 o quilo. Em relação ao mamão, as maiores quedas ocorreram em Brasília/DF (39%) e Goiânia/GO (19%), com preços médios de R$ 4,74 e R$ 3,47/Kg. Já a melancia ficou mais barata em Brasília/DF (34%) e Goiânia/GO (14%), vendida a R$ 1,58 e R$ 1,74/Kg.

As informações coletadas pela Conab no Boletim Prohort compõem uma base de dados considerada a maior e de maior alcance do país, com informações de 117 frutas e 123 hortaliças, somando mais de mil produtos e suas variedades. O levantamento dos dados estatísticos que possibilitaram a análise deste mês foi realizado nas Centrais de Abastecimento localizadas em São Paulo/SP, Belo Horizonte/MG, Rio de Janeiro/RJ, Vitória/ES, Curitiba/PR, Goiânia/GO, Brasília/DF, Recife/PE, Fortaleza/CE e Rio Branco/AC.

Fonte: Conab

Últimas notícias

Lançamento da Ruraltures será nesta quinta-feira (07) em Venda Nova do Imigrante

Foto: Gabriel Lordello/Mosaico Imagem O Montanhas Capixabas Convention & Visitors Bureau promoverá, amanhã ...

Sistema Cantareira opera em estado de alerta

Os últimos dias acenderam um alerta para o nível dos reservatórios que abastecem ...

Jovens agricultores participam de curso sobre formação de lideranças

Um dos pilares da Coordenadora Latino-americana e do Caribe de Pequenos Produtores e ...

Revista Negócio Rural vence prêmio de jornalismo de Pernambuco

O cooperativismo conecta pessoas e também histórias. Que similaridade poderia haver entre as ...

Serenata Italiana será no próximo sábado (09) em Venda Nova do Imigrante

Relembrar os costumes dos primeiros imigrantes italianos que chegaram em Venda Nova do ...