Sabores do Espírito Santo reunidos em evento na Praça do Papa

Foto: Mosaico Imagem

Produtos da família Brioschi, de Venda Nova do Imigrante, estarão na feira em Vitória

Um estado com 78 municípios recheados dos mais diversos sabores. Esse é o Espírito Santo, conhecido pela sua rica cultura derivada da colonização dos mais variados povos, ente eles pomeranos, italianos, alemães, portugueses, africanos, entre outros. Essa mistura com diversas influências faz com que a gastronomia capixaba tenha uma pluralidade ímpar.

Melhor ainda é poder conhecer todos esses sabores em um único lugar. De 26 a 29 de novembro, na Praça do Papa, em Vitória, as feiras Sabores da Terra, da Agricultura Familiar e Feira Estadual de Mulheres Trabalhadoras Rurais (FEMTRU), reunirão expositores de todo o estado com delícias dos mais diversos tipos.

De acordo com os protocolos de segurança, será permitida somente a entrada de pessoas com máscara. Álcool gel estará disponível para os visitantes e o número de pessoas circulando no local será limitado.

ANTEPASTO E QUEIJOS – Direto de Santa Teresa, a produtora Eliana Broeto mantém uma agroindústria familiar, onde são colhidos, embalados e comercializados banana, batata, aipim, inhame, além da produção de pimentas em conserva e molhos, picles, geleia e doces em compotas, cristalizado, picles de pupunha, antepasto de berinjela e jiló, além de queijos e vinhos especiais, como os de jabuticaba.

Em parceria com o marido e dois filhos, a produtora conta que esta será sua 11ª participação no evento. “Eu comecei a expandir os negócios a partir da feira, antes vendia só no município, as vendas eram pequenas, depois aumentaram. Conquistei uma cliente de Vitória, no primeiro ano que participei e vendo até hoje”, ressalta a empreendedora.

CAFÉS ESPECIAIS – De Afonso Cláudio, na Região Serrana, a produtora Célia Pereira traz um café selecionado, produzido nas montanhas, avaliado com pontuação 80 (em uma escala que vai até 100) por meio de uma análise sensorial, que o classifica como um café especial, segundo a Metodologia de Avaliação Sensorial da SCA (Specialty Coffee Association), usada no mundo todo.

Na colheita, os melhores grãos são escolhidos, somente os maduros e em boas condições vão para o processo de torra. Assim, o resultado é um café de melhor qualidade. “A gente produz o café com muito amor, gostamos demais do que fazemos”, explica a empreendedora.

SABOR EM FAMÍLIA – Há cerca de 22 anos, a família Brioschi, de Venda Nova do Imigrante, administra uma agroindústria de produtos alimentícios artesanais. De acordo com Priscila Filete, a tradição começou com os avós, que faziam somente para consumo. A partir disso, começou a comercialização.

Queijos frescal, provolone, socol, embutidos, doce de leite, cafés em grão e em pó, vinho de jabuticaba, entre outras delícias fazem parte do cardápio. Para a feira Sabores da Terra, grande parte das produções da família estará presente em um dos pavilhões do evento.

A PARTIR DE R$ 6,00 – Além da viagem aos sabores capixabas, as feiras Sabores da Terra, Agricultura Familiar e Feira Estadual das Mulheres Trabalhadoras Rurais promovem um intercâmbio, pois contarão com a presença de produtores de Minas Gerais. Os eventos são uma excelente oportunidade de encontrar produtos artesanais com preços a partir de R$ 6,00.

Serviço

Quando: 26, 27, 28 e 29 de novembro (quinta a domingo)

Horários

  • Quinta e sexta-feira: 16h às 22h
  • Sábado: 10h às 22h
  • Domingo: 14h às 19h

Últimas notícias

Agricultores capixabas são autorizados a usar água rio Itabapoana para irrigação

A Agerh analisou 250 processos e emitiu 70 Outorgas de Uso da Água ...

Contribuição Sindical Rural pode ser paga até esta sexta (04)

A Contribuição Sindical Rural (CSR) fortalece a defesa dos interesses do campo e ...

Abertas as inscrições para o Encontro das Lideranças do Cooperativismo Capixaba

Evento será realizado totalmente no formato digital no dia 17 de dezembro (quinta-feira), ...

Contratações de crédito rural entre julho e novembro têm alta de 19%

As contratações das operações de crédito rural da safra 2020/2021 somaram R$ 108,7 ...

Premiação distribui R$ 130 mil para os produtores dos melhores cafés do Espírito Santo

Fotos: Sidney Dalvi e Hélio Filho/Secom Os melhores cafés especiais capixabas foram eleitos ...