Seag repassa R$ 100 mil a escolas agrícolas capixabas

Com o objetivo de fomentar o desenvolvimento do projeto voltado para a Formação dos Agentes e Jovens Envolvidos no Processo Educativo das Escolas Famílias Agrícolas, a Secretaria da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) formalizou –  por videoconferência, devido à pandemia do coronavírus (Covid-19) –, o repasse de R$ 100 mil ao Movimento de Educação Promocional do Espírito Santo (Mepes).

Entre as ações previstas estão a realização de atividades educativas em formação inicial, continuada e nas áreas de conhecimento ligados às técnicas em agropecuárias, linguagem e ciências da natureza; realização de atividades educativas em gestão administrativa e associativa; realização de dois seminários de agroecologia e desenvolvimento sustentável e a realização de um encontro de integração dos estudantes das Escolas Famílias Agrícolas (EFA’s). A expectativa é de formar 700 pessoas, entre agentes, técnicos e jovens estudantes em uma carga horária total de 480h/aula.

“Precisamos investir cada vez mais nos jovens rurais, intensificando as ações que promovam o desenvolvimento nas suas regiões, principalmente neste momento em que estamos vivendo. O Mepes tem um papel fundamental na formação desses jovens, sobretudo quando esse processo envolve também as comunidades e as famílias”, ressaltou o secretário de Estado da Agricultura, Paulo Foletto.

Essa ação acontece no escopo do Programa Jovens no Campo e na Pesca, coordenado pela Seag. “A importância da destinação desse recurso está, principalmente, na possibilidade de agregar aperfeiçoamento aos monitores e formação aos jovens estudantes e de suas respectivas famílias, visando ao desenvolvimento rural sustentável e à garantia da formação cidadã de todos os envolvidos”, disse o coordenador de projetos da Secretaria, Vinicius Costa.

Há 52 anos, o Mepes trabalha na implantação da educação do campo com a pedagogia da alternância. São 17 escolas ligadas ao Mepes no Estado do Espírito Santo. ”Hoje, estamos comemorando com muita alegria mais essa conquista. Essa parceria entre o Governo do Estado, por meio da Seag, é fundamental para qualificar as ações educacionais da rede rural do Espírito Santo”, salientou o superintendente do Mepes, Idalgizo José Monequi.

Participaram da videoconferência o subsecretário de Aquicultura, Pesca e Desenvolvimento Rural Sustentável, Michel Tesch Simon; o gerente pedagógico e administrativo Joel Duarte Benísio; o coordenador de projetos José Valdemar Pin; o coordenador do centro de formação, Padre Firmino; os conselheiros Lidney Gobii e Amélia Siller; a extensionista do Incaper Vera Martins; o secretário de agricultura de Anchieta, Geovani Bissa, e o vereador Renato Lorencini.

Texto e foto: Vanessa Capucho/Seag

Últimas notícias

Força tarefa do agro vai ajudar produtores com prejuízos da chuva de granizo

As recentes chuvas de granizo atingiram municípios do interior do Espírito Santo no ...

Mudas de café conilon clonal são produzidas e plantadas nas montanhas

Santa Maria de Jetibá, conhecida como a cidade que mais produz ovos no ...

A importância do tratamento homeopático em animais

Low angle portrait of cute dog resting on rug and looking forward with ...

BSCA E Apex-Brasil renovam projeto de promoção internacional dos cafés especiais

Estruturado sobre os pilares de inteligência mercadológica, promoção interna e externa e consolidação ...

Exportações de carne suína registram maior volume mensal da história

As exportações brasileiras de carne suína (considerando todos os produtos, entre in natura e processados) ...